FERJ reduz despesas em jogos de pequenos.

Compartilhe esta notícia

ESPN – Os jogos entre os clubes pequenos do
Campeonato Carioca estão mais em conta. Ao menos nos borderôs divulgados pela
Federação de Futebol do Estado do Rio de Janeiro (Ferj). A partir da oitava
rodada da competição, os jogos disputados entre os times de menor expressão
tiveram as despesas, em média, drasticamente reduzidas: de R$ 14 mil para R$ 3
mil.

De acordo com números do site Futdados, os 35
jogos entre pequenos disputados até a oitava rodada acumularam R$ 494 mil de
despesas. Da nona jornada até a 11ª, última disputada, o número chegou a R$ 40
mil. O porquê da redução, ninguém sabe. Nem mesmo a Ferj. Em contato com a
reportagem, via assessoria de imprensa, a Federação informou que os custos dos
jogos são descontados das cotas de tv dos clubes. Sobre a redução súbita, a
Federação não soube informar o motivo.
Basta uma leitura mais atenta aos borderôs para
constatar que itens listados em despesas simplesmente desapareceram. Mesmo com
o mando do mesmo time, no mesmo estádio. Caso do Barra Mansa. Na oitava rodada,
o Leão do Sul mandou seu jogo no Estádio Raulino de Oliveira, em Volta Redonda.
Na derrota de 1 a 0 para o Madureira foram listados 16 itens de despesas da
partida, com cobranças e transporte, ingresso promocional, taxa Ferj, delegado
e ouvidoria. O valor dos custos foi de pouco mais de R$ 15 mil.
Na última semana, o Barra Mansa voltou ao
Raulino de Oliveira para mandar o seu jogo na vitória de 2 a 1 sobre o Nova
Iguaçu. Os itens de despesas foram listados no borderô: de 16, o número caiu
para sete. Nove despesas desapareceram. O custo diminuiu. Antes em R$ 15 mil,
ele foi de cerca de R$ 3.700. A mágica da redução passou a ser frequente a
partir da nona rodada.
Se antes os jogos entre pequenos tinham
despesas em torno de R$ 14 mil, com pico de R$ 48 mil como ocorreu na primeira
rodada da competição, na partida entre Volta Redonda e Barra Mansa, eles
passaram a girar na casa dos R$ 3 mil. Sem explicação. Em meio a tantos jogos
deficitários do Campeonato Carioca, as despesas subitamente desapareceram dos
borderôs. E a cara do prejuízo, consequentemente, fica menos feia.

COMENTÁRIOS:

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here