Donizete acusa flamenguistas de plagiarem funk de Guerrero.

Compartilhe esta notícia
Esporte
Interativo – Empolgados com a chegada do atacante Guerrero, ex-Corinthians, o
Flamengo recepcionou o novo camisa 9 com direito a estádio cheio e música.
Porém, os cariocas esqueceram que “o General Chegou” já fazia sucesso em Minas
Gerais desde 2014, e Leandro Donizete, volante do Atlético-MG, tratou de cobrar
os “direitos” pela canção que os rubro-negros tentam adotar para o novo xodó.
“A
música é minha. Tem que cantar só para mim. Eu cheguei primeiro. Espero que a
torcida continue cantando para mim”, brincou o “general” do Galo.
A
homenagem a Donizete veio depois da vitória do time mineiro no clássico com o
Cruzeiro no Mineirão. O volante se destacou no 3 a 2 sobre o rival e foi
exaltado pela torcida alvinegra ao final partida, válida pelo segundo turno do
Campeonato Brasileiro de 2014. A partir daí, a música do MC G3 passou a ser usada
para homenagear o atleta.
A
cobertura completa de tudo sobre o futebol brasileiro você confere nesta
quinta-feira (23), às 18h45, no Caderno de Esportes, e às 20h30, no Jogando em
casa, no Esporte Interativo.

COMENTÁRIOS:

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here