De nada valeu a união de Flamengo e Fluminense.

12

UOL
– O ano de 2015 marcou a união de dois históricos rivais na tentativa de
promover modificações no futebol.

Flamengo
e Fluminense alinharam pensamentos e romperam com a Ferj (Federação de Futebol
do Rio de Janeiro). A movimentação foi um embrião para o surgimento da Liga
Sul-Minas-Rio. Se fora de campo os clubes sentem-se vitoriosos, o mesmo não
pode ser dito em relação ao desempenho com a bola nos pés. A frustração marca o
final de temporada.
Rubro-negro
e Tricolor nem sequer chegaram às finais do Campeonato Carioca e ainda viram o
desafeto Eurico Miranda comemorar o título do Vasco após longo jejum. Na Copa
do Brasil, o time da Gávea parou nas oitavas de final, enquanto o das
Laranjeiras ficou na semifinal.
Além
do rendimento questionável em campo, os rivais sofreram com problemas políticos
ao longo do ano. O Flamengo vive um clima de guerra por conta da eleição
presidencial em 7 de dezembro e o Fluminense ainda luta para se acertar após a
saída da Unimed. São constantes os ataques via imprensa do atual patrocinador e
existe a incerteza sobre o cumprimento do contrato por parte do parceiro.
Não
são poucos os problemas, mas esperava-se ao menos a recompensa ao fim de 2015.
Entretanto, a temporada praticamente acabou sem qualquer feito a comemorar no
Campeonato Brasileiro.
O
Flamengo conseguiu breve arrancada, permaneceu apenas duas rodadas no G-4 e tem
chances irrisórias de obter uma vaga na Copa Libertadores de 2016. Com 47
pontos, o time está em 11º lugar e praticamente de férias em um ano que se
esperava muito, principalmente depois das chegadas de Ederson, Emerson Sheik e
Paolo Guerrero.
O
Fluminense tem 43 pontos e ocupa a 13ª colocação. O risco de rebaixamento é
praticamente nulo e não há muito o que fazer nas quatro rodadas restantes. É
quase como aguardar o passar do tempo. Tricolor e Rubro-negro esperam recomeçar
e colher frutos em 2016, já que o ano corrente foi recheado de decepções para
as respectivas torcidas.
De
mãos dadas com a frustração, Flamengo e Fluminense se enfrentaram três vezes na
temporada. O time da Gávea levou a melhor e venceu em duas oportunidades,
enquanto a equipe das Laranjeiras obteve um triunfo no primeiro turno do
Brasileirão.

COMENTÁRIOS: