O pior Flamengo de todos os tempos.

54

GOAL
– Entre tantos craques e ídolos, os torcedores do Flamengo fazem questão de não
se lembrar de todos aqueles que passaram pelo clube. Sendo assim, os torcedores
rivais prestam a sua “homenagem”.

Getúlio Vargas
revelado nas categorias de base, virou profissional em 2005, mas atuou com a
camisa do Flamengo apenas 15 vezes.
China – Chegou em 2004 na
Gávea e saiu no ano seguinte após 32 partidas e um gol.
Irineu – Zagueiro chegou por
empréstimo em 2007 e jogou apenas 10 partidas. Dispensado pelo clube,
rapidamente acertou sua ida para o Marília.
André Bahia
revelado nas categorias de base, subiu para o profissional em 2001 e atuou em
80 partidas, antes da sua transferência para o Palmeiras em 2004.
Lira – de 1996 a 2001,
entrou em campo apenas sete vezes. Não deixou saudades.
Goeber – Em 2006 atuou
apenas oito jogos. Contestado pela torcida, e após uma partida desastrosa
contra o Santa Cruz, foi afastado e emprestado ao América-RN até o fim do seu
contrato.
Borghi – chegou apontado
como o substituto de Maradona na Seleção Argentina.
Mozart – Conquistou o
Carioca de 2000, mas atuou em apenas 11 partidas durante o seu período na
Gávea. Hoje é treinador.
Negreiros
vestiu a 9 e foi um dos pesadelos da torcida-rubro-negra em 2004.
Dimba – O atacante chegou
em 2004 como esperança de gols, mas decepcionou. Marcou apenas 14 gols em 37
jogos, e com grande pressão, deixou o clube no ano seguinte.
Borja – Atacante
colombiano chegou por empréstimo em 2010, mas não agradou a diretoria.

COMENTÁRIOS: