Quem sai no Flamengo para a volta de Guerrero?

14

O
GLOBO – Com 1% de possibilidade de conseguir uma vaga na Libertadores, segundo
o matemático Tristão Garcia, não é arriscado dizer que o Flamengo joga hoje, às
22h, contra o Santos, na Vila Belmiro, para se manter vivo no Brasileiro. Do
outro lado do campo, encontrará um adversário que está vivo na disputa pela
vaga no torneio continental, mas que divide suas atenções com a final da Copa
do Brasil.

Depois
de ficar em branco no jogo contra a seleção brasileira, o peruano Paolo
Guerrero volta hoje ao rubro-negro. Falta apenas o técnico Oswaldo de Oliveira
decidir se o jogador chegará em condições de atuar em melhor nível do que seus
companheiros. Kayke, seu substituto contra o Goiás, no qual marcou duas vezes,
e Gabriel são os candidatos a sair do time.
PERUANO INCOMODADO
Sem
fazer gol desde 23 de agosto, na vitória sobre o São Paulo, no Maracanã,
Guerrero quer afastar a má fase.

Infelizmente não estou fazendo gols. A bola está chegando, mas não estou
marcando. O arco está se fechando para mim e isso me dá um pouco de raiva, mas
eu sei que em qualquer momento eu vou fazer um gol — disse Guerrero, ao fim do
jogo contra o Brasil.
Nesta
quarta, Paulo Victor falou sobre a fase pouco empolgante do companheiro.

Vamos recebê-lo de braços abertos. Sabemos da importância que ele tem para o
nosso time — disse o goleiro. — Ele é reservado, mas é claro que esse jejum o
incomoda.
Quem
também volta ao time é o companheiro de Guerrero, o atacante Emerson Sheik,
poupado do amistoso contra o Orlando City. Outro jogador que retorna, mas não
será titular, é o meia-atacante Ederson, que entrou no fim do amistoso do
último domingo.
Sem
jogar desde 27 de setembro, Ederson está recuperado de uma lesão no ligamento
do joelho direito. Em nove partidas pelo rubro-negro, ele jamais atuou 90
minutos, e não será hoje que conseguirá a façanha. Mais uma vez, a expectativa
é que entre, no máximo, no segundo tempo.
SHEIK ENCAMINHADO
Com
poucas chances de passar para a Libertadores, o Flamengo já pensa na próxima
temporada. Ontem, Paulo Victor, que tem o mesmo empresário de Emerson, revelou
que o atacante está próximo de acertar a renovação com o clube.
Paulo
Victor falou também de sua própria situação. O Flamengo procura um goleiro para
completar o elenco e sondou Alex Muralha, do Figueirense, e Weverton, do
Atlético-PR.
— O
Flamengo é time grande. Quem se incomodar com contratações não serve. Todo ano
o clube contrata jogadores. Já passaram oito, dez goleiros desde que estou
aqui. É normal, precisamos de grandes jogadores. Tenho que trabalhar, e quem
chegar vai ser sempre bem-vindo — disse Paulo Victor. — Temos o César também,
que é um excelente goleiro e precisa da experiência dos jogos.

COMENTÁRIOS: