JP Espectros coloca o Flamengo de favorito em final.

5
Time de Futebol Americano do Flamengo – Foto: Jayson Braga

GLOBO
ESPORTE:
A vitória sobre o Ceará Caçadores por 27 a 20 garantiu ao João Pessoa
Espectros o título da Conferência Nordeste da Superliga Nacional de Futebol
Americano e o sétimo campeonato regional seguido conquistado pelos Fantasmas –
o time é ainda o atual campeão brasileiro da modalidade. Além disso, o time
paraibano carimbou o seu passaporte para a semifinal do campeonato brasileiro,
em jogo que vai acontecer contra o Flamengo FA no próximo dia 27 de novembro,
no Rio de Janeiro.

E
mesmo sendo o atual campeão brasileiro e heptacampeão nordestino na modalidade,
o treinador Kevin Veloso classifica o adversário da próxima fase como o
favorito do mata-mata. É que o Flamengo está, junto com o Cuiabá Arsenal,
invicto na Superliga e já soma oito vitórias.
– O
Flamengo é o time a ser batido e sem dúvidas é o grande favorito nessa
semifinal. Mas a gente mostrou que mesmo sob desconfiança sabe ganhar e sabe
jogar playoffs. O Espectros é um time que sabe jogar fora de casa e contra
qualquer adversário – concluiu.
O
Espectros chegou na manhã de segunda-feira a João Pessoa e já nesta terça-feira
volta a se reunir para analisar a última partida e começar a traçar a
estratégia para o próximo jogo. Na quarta-feira, o time volta aos gramados para
retomar os treinamentos.
A
pausa não é para menos. A final de conferência contra o Ceará Caçadores foi
para lá de desgastante.
Fora
de campo os cearenses organizaram uma bela festa no Estádio Presidente Vargas,
mas dentro de campo, o Espectros levou a melhor.
Não
foi fácil. Os donos da casa, com a moral em alta por terem terminado a primeira
fase como líder da conferência e único time a ter vencido as duas maiores
forças do futebol americano na região, o João Pessoa Espectros e o Recife
Mariners. E os Fantasmas, com a vontade de vencer pela sétima vez o certame
nordestino e com o reforço do armador Rodrigo Dantas, que voltava de lesão.
– Esse
foi o primeiro jogo da volta de Dantas, depois de três meses sem jogar, e
apesar das duas interceptações sofridas, mesmo assim ele jogou em um bom nível.
Inclusive o último touchdown saiu em um passe dele para Carlos Cox, então agora
temos mais duas semanas para ajustar os problemas. Todo o time foi muito bem,
mas sempre há o que melhorar – avalia o treinador Kevin Veloso.
O
grande destaque do jogo pelo lado do Espectros foi mesmo o time especial, que
garantiu aos paraibanos 21 dos 27 pontos marcados. Primeiro em um retorno de
chute inicial de Heron Azevedo e depois com outro retorno, dessa vez com
touchdown de Carlos Cox, além de três chutes de ponto extra e outros dois
chutes de três pontos de Diego Aranha. O ataque engrenou no último período de
jogo, com Rodrigo Dantas achando Carlos Cox na zona de pontuação para fechar o
placar em 27 a 20.

COMENTÁRIOS:

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here