Flamengo lidera ganho de seguidores nas Redes Sociais em 2017.

59
Flamengo vem crescendo nas Redes Sociais – Arte: Flamengo / Divulgação
IBOPE
REPUCOM
: Os destaques recentes do levantamento do IBOPE Repucom sobre a
performance dos clubes de futebol do Brasil nas redes sociais mostram que o
Flamengo começa 2017 consolidado na liderança no Instagram entre os clubes
nacionais, alcançando a marca de 1,75 milhões de seguidores. O clube carioca
assumiu a liderança em janeiro e permanece como líder na plataforma. Analisando
o crescimento nos últimos seis meses, o clube também se destaca com crescimento
expressivo em sua base de fãs nas quatro principais plataformas: Facebook (2%),
Twitter (8,8%), Instagram (13%) e YouTube (35,7%). Completam o top 5 das
maiores contas de Instagram de clubes: Corinthians (1,72 milhões), São Paulo
(1,1 milhões), Chapecoense (996 mil) e Palmeiras (676 mil).
Outro
fato importante da análise deste mês vem da Chapecoense. Cerca de três meses
após a tragédia na Colômbia, a Chapecoense continua crescendo acima da média
dos maiores clubes brasileiros no Facebook. Caso os percentuais de crescimento
dos maiores clubes se mantenham, a Chape poderá ser, já no próximo mês, a
quarta maior página entre os clubes do país. O time de Chapecó acumulou um
crescimento de mais de 6% em janeiro em relação a dezembro de 2016 e 1,5% em
fevereiro de 2017.
O
levantamento também destaca que, nos últimos seis meses, o Palmeiras registrou
seu maior crescimento em sua página oficial no Facebook em dezembro de 2016,
devido à comemoração do título nacional. Na ocasião, a página registrou
crescimento de 2,3% em comparação a novembro, com um acréscimo de cerca de 90
mil novos likes. Nos meses de janeiro e fevereiro de 2017, o crescimento mensal
da sua página no Facebook se manteve em 0,3%, níveis inferiores aos registrados
nos meses de Setembro (0,5%), Outubro (0,6%) e Novembro (0,8%) de 2016.
Por
outro lado, Palmeiras, Santos e São Paulo ostentam as maiores contas no
YouTube, com 514 mil, 440 mil e 397 mil inscritos, respectivamente.
José
Colagrossi, diretor executivo do IBOPE Repucom destaca: “O crescente aumento de
inscritos nas plataformas digitais dos clubes é uma ótima oportunidade para
aumentar a visibilidade do clube e de seus parceiros, possibilitando a criação
de novos negócios e propriedades para patrocínios. No entanto, é fundamental
trabalhar esta base de fãs com eficiência, com a geração de conteúdo de
qualidade, ações de ativação próprias e dos parceiros comerciais do clube. É
preciso considerar a relevância do futebol como excelente plataforma de mídia
para alcançar os diferentes objetivos estratégicos dos patrocinadores”.

A
lista completa:

Ranking dos clubes brasileiros nas redes sociais (Divulgação)

O levantamento é divulgado mensalmente pelo IBOPE Repucom e tem o objetivo de acompanhar o desenvolvimento das bases digitais dos 40 clubes com o maior número de seguidores do país.

COMENTÁRIOS: