Se Ferj derrubar liminar, Flamengo x Vasco será no Engenhão.

62
Jogadores do Flamengo saudando a torcida no Engenhão – Foto: Celso Pupo

BLOG
DO PVC
: Uma reunião na tarde desta segunda-feira entre o departamento de
competições da Federação do Estado do Rio de Janeiro (FERJ) e o presidente
Rubens Lopes vai definir as hipóteses para as semifinais da Taça Guanabara. O
Fluminense enfrentará o Madureira às 16h30, Flamengo e Vasco jogarão às 18h30,
mas não há nem estádio nem definição sobre venda de ingressos, depois da
liminar que determinou torcida única nos clássicos do Rio.

A
Federação pretende estudar as possibilidades e apresentá-las aos clubes, que
não estarão presentes na reunião, porque é dia de Congresso Técnico na CBF. Um
dos argumentos da FERJ é o risco de emboscadas no Rio de Janeiro, organizadas
pelas torcidas uniformizadas que não puderem entrar no estádio.
No
mundo ideal, a Federação ainda estuda a possibilidade de derrubar a liminar que
determina torcida única. Se não houve imposição de uma única torcida na
semifinal entre Flamengo x Vasco, a partida acontecerá no estádio Nílton
Santos, o Engenhão.
O
Botafogo diz que o Flamengo não é bem vindo em seu estádio, mas o presidente
Carlos Eduardo Pereira também afirmou que está sujeito às regras do campeonato
que disputa, o que abre a brecha para a disputa do clássico no bairro do
Engenho de Dentro.
A
questão da torcida única é mais difícil, porque existe uma decisão judicial que
obriga a não vender ingressos para os torcedores visitantes. Só que o
regulamento do Campeonato Estadual diz que nas semifinais não há time
visitante. O mando é da federação.
Se
torcida única resolvesse o problema da violência, este blog poderia ser
favorável. O ponto é que não resolve. Ano passado, em dia de clássico
Corinthians x São Paulo, em Itaquera, com torcida única, houve confronto de
torcedores numa rodovia em Valinhos, a 100 km de distância do estádio,
aproximadamente. A única solução para a violência de torcidas é acabar com a
impunidade e a sensação de impunidade.

COMENTÁRIOS: