Clubes brasileiros aumentaram 20% faturamento em 2016.

35
Torcedores de Palmeiras e Flamengo – Foto: Cesar Greco / Fotoarena

MÁQUINA DO ESPORTE:
O Brasil vive uma de suas piores crises econômicas de sua história, mas, no
futebol, parece haver respiro. Os 12 maiores clubes do Brasil, Atlético
Mineiro, Botafogo, Corinthians, Cruzeiro, Flamengo, Fluminense, Grêmio,
Internacional, Palmeiras, Santos, São Paulo e Vasco, tiveram um crescimento de
20% no faturamento durante a última temporada.

Os
números foram levantados pelo estudo Análise Econômico-Financeira dos Clubes de
Futebol Brasileiros – Earnings Preview, realizado pela Itaú BBA. Um ponto
relevante no levantamento, que poderia causar um desajuste na conta, é que a
análise não considera recebimento de luvas.
No
total, os 12 clubes faturaram R$ 3,25 bilhões em2016. Já as despesas, que
tiveram um aumento de 25% em relação ao ano anterior, chegou a R$ 2,66 bilhões.
Dos 12 clubes, 11 teriam condições de arcar com seus gastos. Apenas o
Internacional, que subiu em 53% os seus custos, ficou em situação desfavorável.
“A
análise preliminar indica que os clubes estão com uma situação financeira
melhor em termos de geração de caixa. E dois fatores impulsionaram esta
melhora: receitas de TV e venda de atletas em alguns times”, comentou Cesar
Grafietti, superintendente de crédito do Itaú BBA e responsável pelo estudo.
Os
balanços financeiros dos clubes brasileiros ainda não foram divulgados
oficialmente. O levantamento considera informações que foram vazadas pela a
imprensa ao longo de 2016. O campeão em arrecadação foi o Palmeiras, com R$ 477
milhões. Flamengo, São Paulo, Corinthians e Grêmio completam a lista dos cinco
primeiros que mais faturaram durante a última temporada.

COMENTÁRIOS: