Em ano de ambição, Flamengo faz sua primeira final.

10
Foto: Gilvan de Souza / Flamengo

EXTRA GLOBO: Em um ano de disputa da
Libertadores com um time consolidado, o Flamengo vê a final da Taça Guanabara
ainda como um degrau importante na temporada. É hoje que o clube vai provar que
fez um investimento em um time que pode ser campeão, que não conseguiu alcançar
o topo no Brasileiro. Desse modo, mesmo que a conquista do turno não leve
automaticamente à decisão do Estadual, vencê-lo é visto como obrigação para
quem quer dar voos maiores.

— Com as mudanças, tirou um pouco da
importância. Mas é sempre bom ter uma conquista, é fundamental no nosso
planejamento. Semana que vem começa a fase internacional, tem o Brasileiro se
aproximando, temos que preparar o elenco — explicou o técnico Zé Ricardo.
Preparar o elenco significa, também,
aproveitar o título da Taça Guanabara para mesclar o time na Taça Rio, quando o
foco será na primeira fase da Libertadores. Agora, o canal é o Estadual.
— A ideia é foco total na final da Taça
Guanabara. O trabalho não tem como ser desmembrado. Em um mês e meio nos
preparamos para os jogos decisivos da temporada inteira. Ao final do jogo vamos
mudar o canal, para focar no San Lorenzo. A equipe é experiente e vai entender
que precisa se concentrar no Fluminense para depois vir forte na quarta —
aposta o técnico rubro-negro.
Mesmo limitado a comentar as questões
políticas, Zé Ricardo voltou a bater forte na organização do Campeonato
Estadual. E não escondeu a decepção diante de polêmicas extracampo. Mas
garantiu que o time está pronto e concentrado para o jogo. O vídeo em que
aparece após a partidas com o Vasco cobrando o “voo do urubu” na temporada
repercutiu.
—Não lembro onde eu vi uma foto de urubu
plainando, com torcedor desejando boa sorte. Veio no momento, achei pertinente
— sorriu.
Está
na hora de voar.

COMENTÁRIOS: