Ricardo Fischer destaca força do elenco do Flamengo.

27
Staff Images/Flamengo

GARRAFÃO RUBRO-NEGRO: Por Rafael Rezende

Nada
foi fácil para o Flamengo na fase regular do Novo Basquete Brasil, mas ontem, o
time pôde respirar aliviado. A liderança absoluta veio com garra, raça, suor e
superação. Este último aspecto merece menção especial quando o assunto gira em
torno de Ricardo Fischer. O armador, que se recuperou de grave lesão, cresceu
na reta final e foi importantíssimo. Diante do Minas, por exemplo, o camisa 5
contribuiu com 12 pontos, 7 assistências e 18 de eficiência.
Procurado
pela nossa reportagem, Fischer ressaltou que a atitude foi o ponto chave:
“Completamos
um objetivo importante, que era a primeira colocação. E o jogo contra o Minas
mostrou muito o foco do nosso time. A gente poderia pensar que era um
adversário que está lá em baixo, que estávamos atuando em casa, mas não. Desde
o primeiro segundo, entramos com um ritmo de playoff. Tivemos essa mentalidade
e conseguimos uma ótima vitória que nos enche de moral para enfrentar o
Brasília em Manaus.”
Ricardo
lembrou do passado para exaltar a fibra do grupo:
“Quando
o campeonato começou, nós nos perguntamos o que queríamos. A resposta foi:
ficarmos em primeiro para termos a vantagem até a final. Por tudo que passamos,
fomos grandiosos como equipe. Eu me machuquei e fiquei ausente, o Humberto está
voltando agora, Pedrinho chegou a se lesionar também, além do Hakeem, que veio
durante o NBB. Porém, conseguimos juntar e ter força. Agora, o foco é no
futuro. Vamos chegar bem na próxima fase.”
E, no
encerramento da entrevista, aproveitou para agradecer e falar da excelência do
elenco:
“O
Flamengo possui jogadores muito experientes e que sabem a hora certa de
crescer. Também tenho que enaltecer toda a comissão técnica, que fez um
planejamento ótimo. Principalmente, em termos de preparação, com Diego Falcão e
Rafa Bernardelli. Estamos bem fisicamente no fim. Começamos meio amarrados, mas
depois, evoluímos. Esse é o nosso diferecial, e faz toda a diferença.”

COMENTÁRIOS: