Torcedor mirim do Flamengo presenteia Marcelinho no Amazonas.

25
Foto: Mauro Neto/Sejel

GLOBO
ESPORTE:
A dois dias do duelo contra o Brasília, em Manaus, pela última da
primeira fase do NBB, o Flamengo desembarcou no aeroporto Internacional Eduardo
Gomes, Zona Oeste da capital, nesta quinta-feira. Os torcedores não apareceram
em muito número, mas, um deles, em particular, mereceu destaque: Pedro
Henrique.

Com
apenas sete anos, o menino, visivelmente emocionado, cantou junto com os mais
velhos.  Quando os jogadores passaram
pelo saguão, o torcedor mirim não pensou duas vezes: foi ao encontro de
Marcelinho e presenteou o ídolo com um camisa do time.
Depois,
ficou envergonhado e não quis falar com a imprensa. Nada que seu pai, Márcio,
outro fanático, não pudesse esclarecer.
– Ele
acompanha o Flamengo onde quer que seja. Basquete, futebol e até peteca se
tivesse – resumiu.
Além
da família, outros 30 rubro-negros marcaram presença no saguão do aeroporto.
Eles cantaram em apoio ao clube a todo momento, sobrando provações até mesmo ao
Vasco, grande rival. Na passagem, atletas foram simpáticos e distribuíram
selfies e autógrafos aos jovens. Marcelinho, como sempre, além de Olivinha e
Marquinhos, foram os mais assediados.
Brasília passa, mas poucos reparam
No
mesmo avião dos cariocas, o Brasília também chegou em Manaus. Mas longe de ter
o mesmo assédio. Os atletas desembarcaram e, sem muita visibilidade, foram
direto para o ônibus destinado a delegação. O único a falar com a imprensa foi
o treinador Bruno Savignani.

COMENTÁRIOS: