Vinícius Júnior se encaixa com o estilo de jogo do Flamengo.

19
GOAL: Por
Bruno Guedes 
Após
boas apresentações na base e um Sulamericano Sub-17 espetacular, o jovem
Vinícius Jr., de apenas 16 anos, virou xodó da torcida do Flamengo sem nem
mesmo estrear pelo profissional.
Habilidoso
e tratado como joia, o atacante já é disputado por Real Madrid e Barcelona.
Ainda sem previsão de estreia no time principal, o jogador ainda terminará seu
trabalho nas categorias Sub-20 até estar pronto, segundo os profissionais da
Gávea. Mas como ele jogaria no time do Zé Ricardo?
O
atacante, que tem uma multa rescisória de 30 milhões de euros, pouco mais de R$
100 milhões, vem sendo preparado para jogar no time principal. Com um
posicionamento pela ponta esquerda, o jogador busca sempre jogadas em diagonais
visando ir para o gol.

Foto: Reprodução
Quase
imbatível no um contra um, é uma peça que o Flamengo atualmente não tem no
elenco profissional. Berrío tem uma semelhança nessa tentativa, mas não é tão
forte nessa disputa individual.
Bom
nos toques rápidos e triangulações, poderia ser útil principalmente nas subidas
sempre fortes do peruano Trauco e no apoio às armações do Diego. Como sempre
está correndo de forma objetiva, seria um auxílio para municiar Guerrero, que
busca se antecipar aos zagueiros a todo momento.
Da
recomposição defensiva vem a sua maior deficiência e é onde entra o pedido de
calma dos profissionais do Flamengo para que o trabalho de base seja feito.
Vinícius ainda precisa aprimorar essa parte de marcação e compactação com o
restante do time. E não adianta o argumento de “ele é atacante, não
precisa voltar”. Essa mentalidade é ultrapassada. Hoje em dia todos voltam
para marcar e sair de forma compacta ao ataque, até Lionel Messi.

Foto: Reprodução
A
coluna apurou com uma fonte que trabalha com negociação de jogadores que o Real
Madrid não deixará o Vinícius Jr. escapar no futuro. Segundo ela, após perder
Neymar e Gabriel Jesus, o time espanhol sabe que não pode novamente perder a
chance de levar uma joia brasileira e com imenso potencial de maturação.
Vinícius
tem uma classe especial com a bola nos pés, haja vista o futebol atual onde
cada vez mais buscam atletas rápidos, que deem poucos toques na bola e tenham
mentalidade tática apurada. O garoto, que completará 17 anos em julho de 2017,
ainda não está totalmente pronto, mas já demonstra que dominará em breve todas
essas habilidades. Agora é ter calma.
Ele
vai brilhar.

COMENTÁRIOS: