Estado atrasa liberação para forçar Flamengo a jogar no Maracanã.

70
Flamengo acelera as obras para a utilização da Arena da Ilha, o Estádio Luso-Brasileiro – Foto: Gilvan de Souza

FLA RESENHA: Começa
nos bastidores uma pressão para os órgãos públicos atrasarem ao máximo a
liberação para o Flamengo jogar na Arena da Ilha. O objetivo é forçar o
Rubro-Negro, que investiu mais de R$ 12 milhões na reforma, a usar o Maracanã –
que se encaminha para a administração da Lagardère, a qual Eduardo Bandeira de
Mello se recusa a negociar.

Conversei
com representantes de dois órgãos que precisam liberar o estádio. Me falaram em
off, e até ter as provas, não vou revelar quais são para não ser processado.
Podemos
dizer que é a “Operação Teto do Engenhão 2”, quando a Prefeitura do
Rio interditou o Estádio alegando que o teto corria sérios riscos de
desabamento, forçando os Clubes a negociarem um contrato pelo Maracanã com a Concessionária
Odebrecht.
Por
Vitor Sério Rodrigues
Apresentador
e jornalista do Esporte Interativo

COMENTÁRIOS: