Hora de arrumar a casa.

22
Foto: Divulgação

BOTECO
DO FLA
: Ufa… O pior já passou. Após um caminhão vazio de dinheiro que pareceu
durar uma eternidade, o Campeonato Carioca vai começar de verdade. Se a gente
apagar tudo que aconteceu desde que a bola começou a rolar em janeiro, com
aquele grupo esquisito composto por seis nanicos se engalfinhando por duas
vagas, o troço parece regido por uma organização até certo ponto invejável.

Vejamos.
Por mais que atormentem nossos pesadelos desportistas ainda por alguns dias e
voltem no início da próxima temporada, apaguem por enquanto da memória Bangus,
Macaés, Boavistas e afins… O que sobra? Um campeonato entre o Gigante
Flamengo e o três eternos postulantes ao cargo de maior rival, como tem que ser
a forma mais enxuta e paradisíaca possível de disputar o treco. Passado o longo
período de joelhos no milho pagando pecados no purgatório, a batalha começa no
próximo dia 23 e, de tão organizada ao acaso pela força do destino, conta com
um período de duas semanas para amistosos de luxo entre os competidores.
Se o
cenário parece até certo ponto bem agradável daqui pra frente, com um futuro
próximo recheado de clássicos, o mesmo requer alguns cuidados da nossa parte.
Sem panos quentes. O desempenho do nosso time titular contra a garotada de
Xerém, mesmo com alguns desfalques, foi uma lástima completa. Erros pra todos
os lados e nem o Diego jogou bem. O discurso oficial e ensaiado diz que foi por
conta da falta de ritmo. O que é desesperador. Se dez dias treinando com a
competente Seleção do Tite conseguem fazer alguém desaprender nesse nível,
quantas temporadas Ederson e Conca vão precisar para jogar bem outra vez?
Balela.
O fato é que foi uma atuação muito abaixo do esperado em todos os setores, e o
Diego foi junto no bolo, já que é um esporte coletivo e não dá mesmo pra fazer
tudo sozinho em meio ao caos técnico apresentado. O pobre do Rafael Vaz fez
tanta lambança que a #FlaTT, radiante na tarde de ontem com o péssimo
desempenho do Flamengo (???!!!), apesar da decepção que sofreu com o gol do
Arão empatando a peleja, praticamente o transformou no Márcio Araújo do dia. O
segundo lugar na disputa pelo cargo de Márcio Araújo foi Zé Ricardo. Acreditem.
Uma da manhã o povo estava “tretando” nível hard no Twitter porque alguém pegou
o número do whatsapp do técnico e jogou em um grupo pra que os presentes
pudessem fazer o apedrejamento virtual costumeiro. Bizarro.
Agora
Zé Ricardo tem uma semana cheia para treinar e analisar alternativas. Já que
não vale nada a Taça Rio, além do milhão de reais e a honra que sempre é
colocada em campo quando se trata de um Clássico, claro que não seria hora de
meter os reservas de novo, mas talvez uma ou outra substituição pontual para
testar fosse de bom tom. Na minha humilde e provavelmente infundada opinião,
Donatti poderia ganhar oportunidades ao lado do Réver. Lá na meiúca eu não vou
arriscar nada não. Deixo essa dor de cabeça para quem efetivamente recebe para
fazer essas escolhas. Mesmo porque eu acabei de pagar a reforma das vidraças do
Boteco e não estou interessado em receber pedradas no momento, apesar de saber
que faz parte do pacote.
Pra
não dizer que tudo são flores daqui em diante, hoje tem a reunião de número
6548 do ano para definir onde serão realizadas as partidas. Maracanã em pauta,
Engenhão com aquele eterno mimimi de recalque do Presidente do Botafogo com o
Flamengo e… Ainda nem ouvi falarem disso… Mas em breve o povo começa a
falar de Duas-Torcidas-Torcida-Única-Ou-Sem-Torcida. Vamos observar.
PETISCOS
. TORCENDO CONTRA – A
torcida anti cresceu. A arcoirizada conta com o reforço cada vez maior de
rubro-negros torcendo contra o Flamengo. Frases como “Bem feito” e “Tomara que
tome o segundo” puderam ser vistas em profusão nas redes sociais após a equipe
das Laranjeiras abrir o placar.
. DANDO MOTIVO – O povo
já gosta de pegar no pé dos tricolores com a suposição de que… Talvez… Não
exista muita firmeza do lado de lá. Se é que vocês me entendem. Daí os
jogadores não vão para o vestiário no intervalo porque são 65 degraus até lá no
estádio em Cariacica.
. CHANCES APROVEITADAS – O
Sassá é o Gabriel do Botafogo. Ganha 6589 oportunidades por temporada. A única
e básica diferença é que parece que realmente sabe jogar bola, apesar de ser
maluco.
. OSTENTAÇÃO
Falando nisso… O que foi aquela troca de passes entre Gabriel e Saraujo na
ponta direita aos 66 do segundo tempo? Zero objetividade e com direito a
toquezinho de efeito do baiano.
. A IMINENTE HORA DA TRETA – De
boas aqui só esperando o Milton Mendes começar a criar inimizades em São Janu.
Vamos observar.
. DIA DE FESTA.
Completando anos hoje Márcio Noé, que acumula cargos no Canal do YouTube
trampando na Técnica e no Marketing.
Colem
nas redes Urubus, UruBoas e Antis
Facebook:
Mercio Querido
Twitter:
@sorinmercio
YouTube:
Canal Boteco do Flamengo. A Filial Audiovisual do Boteco.

COMENTÁRIOS: