Médicos do Flamengo detalham recuperação de Conca e Ederson.

11
Conca e Ederson – Foto: Gilvan de Souza / Flamengo

O
GLOBO
: O Flamengo não dá prazo para a volta de Ederson e Conca, mas ambos estão
em contagem regressiva para jogar novamente. É assim, em cinco etapas, que o
processo de recuperação é organizado pelo clube em sua nova metodologia. Nela,
Conca está na fase quatro, ainda controlado de perto. Sua volta depende de
finalizar essa etapa e chegar à próxima, que prevê jogos-treinos e
condicionamento. É neste ponto que está Ederson, que treina normalmente e já
foi monitorado em jogo-treino. Sua participação contra o Botafogo, domingo, é
improvável, pois ainda precisa evoluir em algumas questões físicas. A avaliação
é diária e tem a voz de todos os profissionais do Centro de Excelência em
Performance, liderado pelo médico Márcio Tannure com auxílio de um lado do
preparador físico Daniel Gonçalves e do outro do fisioterapeuta Fred Manhães.

Ederson
é um exemplo de atleta percorreu a transição do método antigo para o atual,
entre 2015 e 2016. Segundo Tannure, a cirurgia no joelho esquerdo do atleta lhe
causou atraso.
— No
inicio do ano passado pegamos ele de uma lesão muscular, detectamos desequilíbrio,
que foi corrigido. Depois teve outra lesão, uma pancada no joelho, e após a
cirurgia teve intercorrências que atrapalharam o processo — explicou o médico.
Conca,
por sua vez, iniciou do zero a recuperação no joelho esquerdo ao chegar da
China. Fez a fase um, curando as dores na fisioterapia, a dois, com os
primeiros movimentos, a três, transição para a preparação física, até ir a
campo, na fase quatro.

Quanto se está na fase quatro, liberado com bola, ainda tem restrições a
atividades intensas, que aumentam a imprevisibilidade. E normalmente tem
déficit motor, muscular, que requer recondicionamento — analisa Daniel
Gonçalves, detalhando a fase seguinte:
— A
fase cinco é de polimento, do ajuste fino, para gradativamente atingir os
últimos aspectos do jogo.

COMENTÁRIOS:

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here