Princípios, Valores e Bravatas.

9
Foto: Divulgação

FALANDO DE FLAMENGO: Por Thiago Nascimento

O
empreendedorismo move o mundo. O fascínio de ser reconhecido por muitos e ainda
ser bem remunerado pelo sucesso de sua inovação (seja um produto ou serviço) é
um desafio. E talvez seja esse o desafio de muitas pessoas quando questionadas
sobre esse tema em qualquer parte do globo terrestre.
Outros,
talvez sejam reconhecidos não por serem empreendedores de sucesso, e sim:
gestores de sucesso. E para tal cargo, é necessária muita competência.
Um
gestor deve ficar atento a todo momento se o seu esforço de trabalho está
alinhado com a missão e visão da companhia, por exemplo.
Com a
adoção do capitalismo pela maioria dos países, a conquista incansável de novos
fornecedores e/ou parceiros com o intuito proporcionar melhores experiências
para seus atuais e potenciais clientes, se torna cada vez mais difícil.
E essa
competição acontece nos mais diversos setores da economia. Seja na área da
tecnologia com a oferta de novos serviços, seja na área alimentos para a
produção de um novo tipo massa ou até mesmo na área esportiva; como a gestão de
um estádio de futebol por parte de um clube, por exemplo.
E como
é possível atrair novos parceiros, fornecedores e até mesmo; um cliente em
potencial?
Além
de um bom produto ou serviço, é primordial que a gestão seja avaliada
diuturnamente se condiz com a missão e visão da companhia.
Outros
requisito básico, é a necessidade da aplicação de Compliance. E tal aplicação
deve ser praticada a todo momento sem exceção. Tanto internamente quanto
externamente para TODOS os parceiros de negócios.
De
forma simplista, o Compliance significa estar com conformidade com leis e
regulamentos, sejam eles internos ou externos. Além disso, ainda existe a
necessidade da ética e da transparência em todos os processos desenhados para
toda a organização.
Portanto,
é necessário muito cuidado ao realizar certas ações. Seja internamente e/ou
externamente. Pois não precisamos lembrar que o mercado é exigente e não possui
memória curta.
Só com
uma implantação eficiente de Compliance, é que conseguimos alcançar os
verdadeiros princípios e valores que são tão almejador por clientes,
parceiros/fornecedores, mercado e opinião pública.
Bons
gestores não vivem de bravatas, pois esse tipo de atitude não conquista o
mercado. É necessário muito trabalho, responsabilidade e 100% de transparência
em todas as ações internas e externas.

COMENTÁRIOS:

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here