Adriano e Sávio também estrearam pelo Flamengo sem gol.

11
Foto: Divulgação

EXTRA
GLOBO
: A ordem no Flamengo é manter a calma em relação a Vinicius Junior.
Companheiros de time, comissão técnica e diretoria se preocupam em blindar a
promessa de 16 anos. Na estreia entre os profissionais, no segundo tempo da
partida contra o Atlético-MG, no sábado, no Maracanã, ele não conseguiu dar
amostras do talento que já exibiu na categoria de base. Pesa a favor dele o
fato de que outros atacantes talentosos revelados pelo clube da Gávea também
não tiveram uma primeira experiência dos sonhos no Brasileiro.

Os
últimos jogadores de frente de primeira linha revelados pelo Flamengo foram
Sávio, no começo dos anos 90, e Adriano, no começo dos anos 2000. O primeiro
fez sua primeira partida pelo Campeonato Brasileiro em 1993. Na derrota para o
Santos, em São Paulo, Sávio, então com 19 anos, entrou no segundo tempo e
também não fez gol.
Já o
Imperador disputou seu primeiro jogo pelo Brasileiro em 2000, aos 18. O
Flamengo vencia o Grêmio por 3 a 0 no Maracanã quando o atacante entrou no
lugar de Reinaldo. Ele também não conseguiu marcar.
Com
vasta experiência em trabalhar com jovens, o técnico Zé Ricardo sabe que o
momento é de deixar Vinicius Junior à vontade:

Vamos ter calma para ver o jogador crescer no seu tempo. É jovem, ainda vai
completar 17 anos.

COMENTÁRIOS: