Flamengo deixa de faturar até R$ 30 milhões com queda na Liberta.

10
Foto: Divulgação

EXTRA
GLOBO
: Não foi apenas uma derrota. Cair fora da Libertadores antes das fases
finais, meta estabelecida para a temporada, fará o Flamengo amargar alto
prejuízo. Entre premiações pela campanha de um eventual título e bilheterias
que ficaram pelo caminho, o clube deixa de arrecadar algo em torno de R$ 30
milhões. A queda ainda pode gerar uma debandada no até então crescente plano de
sócio-torcedor.

A
conta é salgada. Seriam 25 milhões previstos ao campeão pagos pela Conmebol.
Fora isso, a fornecedora do clube, Adidas, pagaria acréscimo ao valor do
patrocínio de quase R$ 2 milhões pelo título.
A
bilheteria também é perda significativa. O clube esperava faturar cerca R$ 1
milhão de receita por jogos em casa nas fases seguintes, e o mesmo valor ao
menos triplicado se houvesse uma final no Maracanã, chegando a cerca de R$ 8
milhões.
Como
saiu mais cedo, o Flamengo ficou apenas com R$ 5 milhões de premiação da
Conmebol pela primeira fase e R$ 3 milhões em bilheterias dos três jogos que
fez no Maracanã, contra San Lorenzo, Univesidad Católica e Atlético-PR.
Mesmo
que haja outras competições eliminatórias em disputa no ano, como Copa do
Brasil e Copa Sul-Americana, a Libertadores era o objetivo principal e a meta
era chegar ao menos nas quartas de final, igualando a melhor campanha recente,
em 2010. O alvo, porém, além do orçamento, era o título.
No
orçamento de 2017, o Flamengo esperava elevar de R$ 45 milhões para R$ 61
milhões a bilheteria e de R$ 27 milhões para R$ 38 milhões os ganhos com o
plano de sócios, que beira os 100 mil adeptos.

COMENTÁRIOS:

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here