Flamengo vira possível destino de Rafinha Alcântara, diz jornal.

86
Rafinha Alcântara é torcedor do Flamengo declarado – Foto: Divulgação

SPORTV:
Torcedor declarado do Flamengo, o meia Rafinha Alcântara, do Barcelona, pode
estar a caminho do clube rubro-negro, por empréstimo, no segundo semestre. É o
que publica o jornal espanhol “Mundo Deportivo” na sua edição de
quinta-feira (com direito a uma chamada na capa para o assunto).

De
acordo com a reportagem, o anúncio da saída do técnico Luis Enrique no final da
temporada deixou o futuro de Rafinha indefinido no Barça. E como a prioridade
seria defender a seleção brasileira na Copa do Mundo da Rússia, o filho do
tetracampeão Mazinho poderia forçar uma transferência após o término do
Campeonato Espanhol. Duas opções são citadas pelo “Mundo Deportivo”:
ser negociado em definitivo com outro grande clube europeu ou acabar emprestado
por um ano ao Flamengo, onde poderia ser observado mais de perto por Tite antes
do Mundial.

Rafinha
tem contrato com o Barcelona até 2020 e sua multa rescisória é de 75 milhões de
euros (R$ 261 milhões). Segundo o jornal, Liverpool, Arsenal e Juventus já
demonstraram interesse no brasileiro. Mas o futuro do jogador só seria definido
com a chegada do novo treinador: caso o substituto de Luis Enrique peça
contratações, a negociação do filho de Mazinho poderia ajudar o clube a fazer
caixa.

O
“Mundo Deportivo” cita o Flamengo como opção porque Rafinha já
declarou diversas vezes a vontade de um dia defender o clube do coração.
Emprestado ao time carioca, o meia teria a garantia de mais tempo de jogo e
ficaria sob observação constante da comissão técnica da Seleção, podendo ter
mais chances de disputar a Copa na Rússia.
Atualmente,
o meia se recupera de uma lesão no joelho direito, sofrida em abril, e não atua
mais nesta temporada. Em 33 jogos – incluindo a participação na Olimpíada no
Rio -, ele marcou sete gols. No atual elenco do Barça, o brasileiro disputa
posição com Raktic, Turan, Iniesta e André Gomes.
Aos 24
anos, Rafinha está em sua terceira temporada seguida com o Barcelona. Antes,
ele passou pelo Celta por empréstimo. O meia esteve no grupo do inédito ouro
olímpico, mas desde que assumiu a seleção principal, Tite não convocou o
jogador do clube catalão.

COMENTÁRIOS: