Grupo da morte.

17
Jogadores do Flamengo comemorando gol contra a Universidad Católica pela Libertadores – Foto: AFP

BOTECO
DO FLA
: Por Sorín

Pô,
Furacão. A gente nunca te pediu nada. Não dava mesmo pra quebrar esse galho e
resolver tudo na noite dessa quarta? Eh, eh, eh…
Bem…
Óbvio que a situação geral poderia ser melhor. Ainda que o Atlético-PR tenha
decidido passar por seu momento raro de fragilidade na Arena justo agora, nossa
boa vitória (mais uma) sobre a Universidad do Chile não garante a vaga, mas nos
deixa na situação mais confortável na tabela do Grupo da Morte, que no final
das contas está honrando o nome e chega à última rodada com as quatro equipes
com chances bem reais de classificação.
Foi
com festa mais uma vez. O de ontem foi o maior público brasileiro na temporada.
O segundo lugar é do Vasc… Ops… Força do hábito. Dessa vez o vice também é
nosso e o terceiro lugar também. Vale registrar que da posição 4 até a 8 no
ranking de melhores públicos, deu São Paulo 5 vezes… E quatro delas em jogos
do Campeonato Paulista.
Em
campo mais uma boa apresentação. Só o Guerrero finalizou 14 das 23 vezes ao gol.
E só não marcou mais porque, convenhamos, o goleiro dos caras estava inspirado.
Inclusive, como o Muralha está passando por um momento de não gerar muita
confiança em parte da torcida (sigo confiando, mas sou suspeito), vi uns dois
ou três comentários nas redes sociais na vibe do “Ih… Quanto custa esse
goleiro aí?”.
Apesar
de duramente criticado, mesmo com números excelentes, Zé Ricardo mostrou
confiança e coragem. Nem o mais estrategista e profundo conhecedor de futebol
do Twitter pensa em botar quatro laterais em campo, talvez o motivo maior pelo
qual o Zé é o técnico e não nós. E a gente sabe, né? Deu certo, mas se dá
errado o nome mais elogioso que os chatos de plantão iam usar para se referir
ao cara durante os mimados mimimis seria “Professor Pardal”. Além de dar certo,
pra ficar oficializado e registrado em cartório, dois dos três gols foram
feitos pelos laterais.
Saraujo
monstruoso. Eu não chequei isso e é tão bom que parece até um erro de
digitação, mas li por aqui mesmo que foram 42 passes certos… Em 42. Fora as
765 roubadas de bola, vale ressaltar a consciência que o cara tem de que não
deve dar muito ouvido nem para o ódio mortal, e nem para os elogios exagerados
dos falsos de plantão. “Quando vamos mal as críticas são pesadas”; “Ontem eu
era o pior jogador do mundo”. Lúcido e certeiro como… Bem… Como um desarme
do Márcio Araújo.
Um
pouco abaixo foram Mancuello e Gabriel. O primeiro é realmente marcado por essa
irregularidade de desempenho entre uma partida e outra… E muitas vezes até
dentro do mesmo jogo. Já o segundo, tem uma regularidade tão constante nesses
87 anos de Flamengo, que não surpreende nem um pouco. Diga-se de passagem, a
entrada dele como titular é mais um ato de coragem do Zé Ricardo. Coragem,
fé… E aparentemente algo mais que está além do que nós, simples torcedores,
podemos saber sobre… Sobre as coisas, digamos assim.
Ficou
tudo para o dia 17, e não vamos poder ficar cochilando na frente da TV em um
jogo que não vale nada, nossa meta inicial antes da partida de ontem,
ligeiramente atrapalhada pela derrota do Atlético. E daí, caso não ocorra
nenhum imprevisto, já vai ter Berrío, Rômulo, e provavelmente Diego. Só não
deve ter mesmo é o Ederson, recentemente promovido à categoria de
café-com-leite pelo técnico.
Mas
tem muita coisa antes disso. Carioca, Brasileiro, Copa do Brasil. Só jogo
decisivo. Finalmente, após o momento congelamento das emoções promovido pelo
Carioqueta, #201SETE começou.
PETISCOS
. ENTÃO TÁ. Apesar
do desempenho costumeiro, Gabriel declarou ter consciência de que fez uma boa
partida.
. RESSUSCITADO. Finalmente,
sem maiores explicações e acho que também nem faço questão de saber, Vizeu
reapareceu. Já posso ir à delegacia retirar o registro de desaparecimento.
. MELHOR ASSIM. De
qualquer forma, já que não deu pra passar a régua e garantir a classificação,
bom a Universidad Católica chegar com chances na última rodada. A gente até
torceu a favor do Furacão. Como não retribuiu… Hora de torcer contra.
. SERÁ? Parece… Parece… Que
a inauguração da Ilha será mesmo contra o Atlético-GO nas oitavas da Copa do
Brasil. Vamos observar.

COMENTÁRIOS: