Major diz que irá retirar torcedores do Flamengo na torcida do Flu.

101
Gilvan de Souza/Flamengo

FOX
SPORTS
: Após a vitória por 3 a 1 sobre a Universidad Católica, na última
quarta-feira (3 de maio), os torcedores do Flamengo esgotaram logo pela manhã
desta quinta-feira (4) todos os ingressos destinados ao time da Gávea para a
decisão contra o Fluminense, no domingo (7), pelo Campeonato Carioca. E para
não ficar de fora da final, muitos flamenguistas estão comprando bilhetes do
setor Sul, que ficará a torcida Tricolor, o que pode gerar uma briga
generalizada durante a partida.

Para
falar sobre esse assunto, o FOXSports.com.br foi atrás de quem comanda a
segurança no Maracanã. Em entrevista exclusiva, o Major Silvio Luiz, do GEPE,
Grupamento Especial de Policiamento nos Estádios, explicou como será o
procedimento em caso de rubro-negros infiltrados nas arquibancadas que
abrigarão a torcida da equipe das Laranjeiras neste clássico:
“Isso
não é novidade. Já aconteceu outras vezes, quando um clube tem vantagem e
compra ingresso de outro setor. O processo será o mesmo de sempre. Se
identificarmos torcedor do Flamengo no setor do Fluminense, essa pessoa será
retirada da arquibancada e expulsa do estádio. Seja em qual momento for da
partida. O objetivo é não deixar ter confusão”, afirmou Silvio, que
admitiu uma mudança na venda de ingressos para poder diminuir esse efeito de
flamenguistas no setor do Fluminense:
“A
medida encontrada foi parar de vender ingresso na bilheteria do Maracanã e
comercializar apenas nas Laranjeiras, que aí dificulta o torcedor do Flamengo
para comprar ingresso no setor do Fluminense. Mas é complicado, pois a pessoa
chega com uma blusa neutra, não tem como evitar que ele não compre. Também não
tem como evitar que ele entre no Maracanã sem uma blusa de time”,
explicou.
Em
2013, os torcedores do Flamengo também causaram confusão por conta de compra de
bilhetes da torcida rival. No duelo pelas quartas de final da Copa do Brasil,
contra o Botafogo, milhares de rubro-negros foram ao jogo no setor Sul, que
pertencia ao time da Estrela Solitária, o que gerou um princípio de confusão
entre as torcidas.
Para o
duelo entre Flamengo e Fluminense, o GEPE contará com um efetivo de 260 pessoas
para fazer a segurança interna e externa do Maracanã. Além disso, segundo o
Major, o Batalhão de Choque da Polícia Militar e a Cavalaria darão suporte,
como de costume em jogos no estádio, nesta final.

COMENTÁRIOS: