Nunes dá receita para o Flamengo vencer Universidad Católica.

17
Getty Images

FOX
SPORTS
: Na final do Campeonato Carioca, o Flamengo tem entre os dois jogos
contra o Fluminense a verdadeira decisão do primeiro semestre, nesta
quarta-feira (3 de maio): a equipe recebe a Universidad Católica no Maracanã,
na partida que pode garantir o passaporte dos cariocas às oitavas da Conmebol
Libertadores Bridgestone. Para isso acontecer, basta vencer os chilenos e
torcer para que o San Lorenzo não passe pelo Atlético-PR, em Curitiba.

Mas
nos arredores do Ninho do Urubu, o jogo da Arena da Baixada está em segundo
plano. O objetivo dos comandados de Zé Ricardo é vencer e não ficar mais uma
vez na fase de grupos da competição, como aconteceu em 2012 e 2014. E para
chutar para longe esse trauma rubro-negro, o FOXSports.com.br foi atrás de um
jogador campeão da Libertadores de 1981 pelo Flamengo. Nunes falou sobre a
importância da vitória sobre os chilenos:
“Libertadores
é uma competição complicada. É preciso ter inteligência, saber aproveitar o
jogo. Sair na frente é importante. O Flamengo não pode ser eliminado. É importante
que cada jogador tenha consciência disso. É focar na competição, que não é
fácil”. afirmou o João Danado.
Elenco
milionário, jogadores conhecidos internacionalmente, como o caso de Guerrero,
além de jogar em casa, o Flamengo dispara como favorito diante da Católica. No
entanto, o costumeiro ‘oba-oba’ tem atrapalhado os cariocas no últimos torneios
continentais. Eliminações para Defensor, América-MEX e Palestino martelam a
cabeça dos torcedores. E para que a história não se repita, Nunes pede um foco
maior de cada atleta envolvido:
“O
Flamengo tem um grande time e tudo para avançar, chegar às oitavas. Mas o
futebol é resolvido dentro de campo. Libertadores é uma guerra, tem que matar
um leão por hora. Espero que todos saibam a responsabilidade de jogar uma
Libertadores”, finalizou.
Nesta
quarta-feira (3), o Flamengo enfrenta a Universidad Católica, às 21h30, com
transmissão exclusiva do FOX Sports na TV fechada. Uma vitória dos cariocas
pode classificar a equipe, desde que o San Lorenzo não vença o Atlético-PR.

COMENTÁRIOS: