Réver, do Flamengo, desmente acusação do San Lorenzo.

6
Gilvan de Souza / Divulgação

LANCE:
Após a declaração de Blandi ao programa 90 Minutos de Fútbol, da Fox Sports da
Argentina, de que Réver teria pedido para equipes terem um “jogo de
compadres”, o capitão rubro-negro falou sobre o caso e negou a acusação do
atacante do San Lorenzo após a eliminação do time na Libertadores.

– O
capitão do Flamengo me cercou e propôs um empate para que os dois pudessem se
classificar. Mas eu sabia que ele queria me enganar, era mentira. A gente sabia
tudo o que se passava entre Católica e Atlético. Ele sabia que sairiam muitos
gols no final de Católica e Atlético – foi o que disse Blandi para a emissora
argentina.
Veja nota de esclarecimento de Réver,
sobre esse caso
“Lamento
muito por sofrer uma acusação muito séria. Todos que me acompanham desde o
início da minha carreira, sabem do meu caráter, da minha conduta e da minha
ética profissional. Creio que se não agisse com correção e profissionalismo,
não teria chegado a seleção brasileira, assim como, defendido grandes clubes,
no Brasil e na Europa, sendo capitão de uma equipe campeã da Libertadores.
Episódios
como esse não fazem e nunca farão parte da minha história! Como capitão do
Flamengo, tenho uma imensa responsabilidade e sempre a honrarei, entrando em
campo para vencer, sempre, de forma limpa”

COMENTÁRIOS:

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here