Zé Ricardo e Milton Mendes são os únicos em palestra na CBF.

27
Foto: Divulgação

GLOBO
ESPORTE
: Tite levou a seleção brasileira do sexto ao primeiro lugar nas
eliminatórias, e ganhou entre 2009 e 2015 todos os títulos possíveis em clubes.
Marcelo Bielsa inspira uma geração e é considerado por Pep Guardiola o melhor
técnico do mundo. Fabio Capello colecionou títulos por Milan, Juventus e Real
Madrid, além de treinar as seleções da Itália e da Inglaterra.

Eles
se reuniram na manhã desta segunda-feira, na CBF, para apresentar e trocar
ideias sobre futebol, e apenas dois técnicos da Série A do Campeonato
Brasileiro compareceram. Ambos do Rio de Janeiro, cidade onde ocorreram as
palestras: Zé Ricardo, campeão carioca na véspera pelo Flamengo, e Milton Mendes,
do Vasco.
O
restante da elite da classe ignorou o evento, que recebeu jovens como Elano,
auxiliar de Dorival Júnior no Santos, e Washington, o Coração Valente, que
estuda para virar treinador; nomes que ainda buscam emprego para o segundo
semestre, como o ex-meia Ricardinho e Fernando Diniz, vice-campeão paulista em
2016 e rebaixado em 2017, ambos com o Audax.
Medalhões
também estavam presentes. Carlos Alberto Parreira foi até chamado para debater
com o trio, e na plateia se encontravam Sebastião Lazaroni, PC Gusmão, entre
outros.
Se a
adesão dos técnicos não foi das maiores, menor ainda a dos jogadores. Somente o
meia D’Alessandro, do Internacional, assistiu às palestras.
Dos 20
clubes que disputarão a primeira divisão do Brasileirão a partir do próximo fim
de semana, somente a Chapecoense (Vágner Mancini) e a Ponte Preta (Gilson
Kleina) estavam fora do Brasil na hora do evento.
Pela
manhã, a delegação da Chape embarcou para a Colômbia, onde disputará a final da
Recopa contra o Atlético Nacional, na próxima quarta-feira. A Macaca, por sua
vez, deixou Campinas na hora do almoço para pegar um voo em São Paulo. Ela
jogará nesta terça contra o Gimnasia, na Argentina, pela Copa Sul-Americana.

COMENTÁRIOS: