Com vendas, São Paulo terá lucro maior que do Flamengo

49
Jogadores de Flamengo e São Paulo se cumprimentando – Foto: Cris Dissat / Fim de Jogo

ESPN: Com
a iminente venda de Rodrigo Caio para o Zenit (RUS), o desmanche são-paulino
pode fazer com o que o clube ultrapasse os R$ 200 milhões com a venda de
jogadores. Por sua parte nos direitos federativos do zagueiro (80%), o clube
pode receber até R$ 54 milhões se os russos aceitarem pagar os 18 milhões de
euros da multa rescisória.

Com os
seis jogadores já vendidos na temporada, David Neres, Luis Araújo, Thiago
Mendes, Maicon, Lyanco e Augusto Galvan, o São Paulo já arrecadou para o seu
cofre R$ 148 milhões. Com o dinheiro da venda de Caio, esse valor subiria para
R$ 202 milhões. E qual seria o efeito dessa montanha de dinheiro nos cofres da
equipe?
Se o
orçamento do clube estiver correto, o São Paulo passaria de um prejuízo de R$ 7
milhões ao maior lucro de todos os clubes brasileiros em 2017. Na peça
apresentada, a diretoria são-paulina estimava que iria arrecadar R$ 60 milhões
vendendo atletas.
Confirmada
a saída de Rodrigo Caio, o desmanche faria, sempre levando em conta o
orçamento, o clube ter um superávit de R$ 135 milhões. É verdade que o clube já
gastou muito mais do  que os R$ 17,5
milhões estimados para  reforços.
Inflacionado principalmente pela contratação de Pratto, o investimento do São
Paulo em novos jogadores já está perto dos R$ 40 milhões.
Ainda
assim as contas do clube do Morumbi ainda ficariam acima dos R$ 100 milhões.
Clube com os melhores resultados nas finanças nos últimos anos, o Flamengo
estima ter um superávit operacional de R$ 60 milhões em 2017.
O São
Paulo vem de péssimos resultado dentro de campo e também nas finanças. Em 2014,
teve prejuízo de R$ 100,1 milhões. Em 2015, o buraco foi de R$ 72,5 milhões. No
ano passado, um modesto superávit de R$ 1 milhão.

COMENTÁRIOS: