Eurico sugere torcida única.e aprova jogo contra Flamengo na Ilha.

61
Torcida Organizada do Flamengo na Ilha do Urubu – Foto: Alexandre Loureiro/Getty Images

COLUNA
DO FLAMENGO
: No último sábado (08), o Flamengo visitou o Vasco no São Januário
e saiu com a vitória de 1×0, demonstrando futebol superior aos donos da casa.

Ao fim
da partida, cenas lamentáveis foram vistas nas arquibancadas do estádio, com
uma verdadeira guerra entre a torcida vascaína e a Polícia Militar.
A
confusão gerada trouxe uma discussão sobre o local do próximo jogo entre
Flamengo e Vasco no Campeonato Brasileiro, até então, marcado para a Ilha do
Urubu.
O
presidente do Vasco, Eurico Miranda, um dos principais responsáveis por levar a
partida para o São Januário, se posicionou sobre o jogo do 2° turno na casa do
Mengão.
“Eu
não sou contra. A PM é que tem que ser, a PM é que tem que resolver, a PM é que
tem que dizer se dá ou não segurança. Eu não posso ser contra. Quando eu fiz a
proposta de torcida única, se a gente fosse jogar em outro estádio também com
número reduzido, que fosse torcida única nesse turno e no outro também torcida
única, igual para os dois. Cada um tem que assumir a sua responsabilidade, o
que não pode é a PM se eximir de responsabilidade”, disse o mandatário
cruzmaltino.
Apesar
da discussão levantada pelo presidente vascaíno, o Flamengo já está focado na
próxima partida do Brasileirão, que será na quinta-feira (13), contra o Grêmio,
na Ilha do Urubu.

COMENTÁRIOS: