Flamengo quebra jejum, mas Guerrero segue zerado ante o Vasco

39
Guerrero em Vasco x Flamengo em 2017 – Foto: Gilvan de Souza

UOL: A
vitória por 1 a 0 sobre o Vasco representou a queda de um tabu de 44 anos sem
vitórias em São Januário. Mas, se o Fla conseguiu quebrar esta marca, o atacante
Guerrero segue sua seca diante do Vasco.

No
domingo, o peruano fez seu nono jogo diante do arquirrival. Ao todo, ele
conseguiu a sua segunda vitória, mas ainda não balançou a rede cruz-maltina.
Com 39 gols pelo Fla, ele ainda não sentiu o gosto de festejar contra o rival.
Apesar
do triunfo, Guerrero deixou São Januário sem muitas razões para festejar. Após
choque com Henrique, o camisa 9 deixou o campo com um enorme galo na nuca. Ele
pediu para retornar, mas deu lugar para Leandro Damião.
Com a
vitória, o Flamengo assumiu a vice-liderança do Campeonato Brasileiro, mas a
festa ficou em segundo plano. Assim que foi dado o apito final, o estádio do
Vasco se transformou em uma grande praça de guerra, com inúmeros confrontos
entre torcedores e policiais.
“É
muito triste, tem família aqui. Isso não é bom para o futebol e para as pessoas
de bem, que não merecem isso”, disse Éverton Ribeiro ao
“Premiere”.
“Isso
é perigoso, tem criança, é triste demais. Primeira vez que acontece isso
comigo. Isso é futebol”, completou Everton, autor do gol da vitória.
Na
vice-liderança do Brasileiro, o Flamengo encara o Grêmio, na quarta-feira, na
Ilha do Urubu.

COMENTÁRIOS: