Mauro critica falácias e “perólas” ditas por diretor do Flamengo

11
Fred Luz, CEO do Flamengo – Foto: Gilvan de Souza

MAURO
CEZAR PEREIRA
: Perguntas e reflexões sobre a entrevista do CEO do Flamengo e
elitização de sua torcida.

“Até
agora, não tivemos lotação inferior a 80%”
Num
estádio para 16,5 mil rubro-negros pagantes ele acha 80% bom? Não é vergonhoso
não lotar estádio tão pequeno? Está claro que o preço médio chegou a cifras tão
surreais que nem 16,5 mil ingressos o Flamengo consegue vender para sua
torcida.
“No
Maracanã, como tem mais lugares disponíveis, provavelmente poderíamos operar
com ticket médio um pouco mais baixo. O desafio é não dar margem para o
cambista”
Nem
com a oferta de lugares de um estádio maior ele tem certeza se haveria preços
menores. E vê o preço alto como meio para contar os cambistas. Se preocupa mais
com os atravessadores do que com os torcedores de menor poder aquisitivo. Que
visão é essa? Não parece ser a de alguém que em algum momento pensa nos
rubro-negros que só conseguem ir ao AeroFla.
“Popular
são as gratuidades”
O que
dizer sobre isso?
“Na
Libertadores foram 90% de sócios em alguns jogos. Como é no mundo todo”
Em
qual lugar do mundo há um time com 40 milhões de torcedores, como o próprio
Flamengo gosta de dizer? Desconhecimento da realidade local ou muleta para
tentar se justificar?
“Acreditamos
que acima de tudo o que torcedor quer é o time forte. É ter Diego, Guerrero, Márcio
Araújo, Éverton Ribeiro”
Citar
Márcio Araújo entre os melhores (e mais caros) jogadores do elenco seria mais
uma demonstração de desconhecimento sobre futebol?
“Fui
aos clubes agora da Europa e um terço da receita vem do conjunto estádio,
televisão, sócio e bilheteria. No Flamengo não chega a 15% ainda”
Então
admite que o Flamengo não depende da bilheteria. Se depende pouco da venda de
ingressos e fatura tanto, o que explica a inexistência de ações mínimas de
inclusão dessa camada mais pobre de torcedores nos jogos?

COMENTÁRIOS:

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here