Rhodolfo deve reforçar o Flamengo só no 2º turno

30
Rhodolfo, zagueiro do Flamengo – Foto: Gilvan de Souza

ESPORTE
INTERATIVO
: Rhodolfo deve passar de um mês no departamento médico do Flamengo.
Com lesão no adutor da coxa esquerda sentida no clássico contra o Vasco, no
último dia 8 de julho, o defensor só deve voltar à equipe no segundo turno.
Desfalcando, portanto, o Rubro-Negro por pelo menos por mais três rodadas.

O
zagueiro iniciou na última segunda-feira a fase de transição. Ou seja, deixou o
departamento médico e as sessões de fisioterapia e está nas mãos da preparação
física do clube. O jogador precisa de resistência para voltar aos trabalhos
técnicos e táticos com o restante do grupo e, por fim, suportar a intensidade
de um jogo de futebol. Isso só deve acontecer a partir do duelo contra o
Atlético-MG, no dia 13 de agosto, no returno mas a evolução pode permiti-lo
jogar no dia 6 contra o Vitória, na 19ª rodada.
O
camisa 44 mal chegou, mas a ausência do atleta já é sentida no time de Zé Ricardo.
A lesão no clássico da 12ª rodada deste Campeonato Brasileiro encerrou
sequência de três jogos do zagueiro como titular, todos com vitória do
Flamengo. Depois, foram mais três partidas e três tropeços, contra Grêmio,
Cruzeiro e Palmeiras. A equipe só voltou a somar três pontos no Nacional na
última rodada, no 2 a 1 sobre o Coritiba.
Assim
como Rhodolfo, Léo Duarte, outra opção para a zaga, também está em etapa de
transição. Mas, a lesão do garoto foi menos grave, uma entorse no tornozelo, e
deve demorar menos para voltar a ser relacionado por Zé Ricardo. Sem os dois, o
Rubro-Negro tem dois compromissos na semana: na quarta-feira (26), contra o
Santos, pelas quartas de final da Copa do Brasil, e no domingo (30), diante do
Corinthians, na 17ª rodada do Brasileirão.

COMENTÁRIOS: