Sob tensão, Flamengo x Palmeiras terá segurança recorde

14
Escudos do Flamengo no Estádio da Ilha do Urubu – Foto: Cris Dissat / Fim de Jogo

ESPORTE
INTERATIVO
: Para tentar manter a “rivalidade” de alguns torcedores
sob controle, o Flamengo terá o maior efetivo que a Ilha do Urubu já viu para o
duelo contra o Palmeiras, nesta quarta-feira (19), pelo Campeonato Brasileiro.
De olho nos rumores de redes sociais e com o “fantasma” de São
Januário na memória, tanto o clube quanto o poder público aumentaram o número
de homens para tentar garantir a segurança no local.

No
total, o número passa de 400: serão mais de 300 seguranças particulares e 150
integrantes do Grupamento Especial de Policiamento em Estádios (Gepe), além de
reforços que virão do 17º Batalhão da Polícia Militar. Tudo para tentar manter
longe uma das outras torcidas organizadas de Flamengo, Palmeiras e até Vasco,
rivais declaradas.
“Flamengo
e Palmeiras sempre têm uma atenção diferenciada, assim como outras torcidas que
têm essa rivalidade. Após aquele episódio em São Januário, começou a se criar
um temor por boatos de internet. Tanto o Gepe quanto o 17º Batalhão estão
tomando medidas para tentar prevenir qualquer tipo de ação”, disse o major
Silvio Luiz, comandante do Gepe, ao Esporte Interativo.
Entre
essas medidas estão: checagem das pessoas que estarão no setor visitante,
apresentação da carteirinha da entidade por parte de torcedores organizados e
escolta destes palmeirenses até o estádio. Isso desde as estradas que ligam São
Paulo e Rio de Janeiro até a entrada do estádio.
O
Flamengo espera até 1000 palmeirenses na Ilha do Urubu esta noite. Essa é a
carga total de ingressos disponível para os visitantes, com 700 à venda e mais
300 entre gratuidades e cortesias. Em campo, a partida vale para ambos tentarem
diminuir a diferença para o líder Corinthians, com 36 pontos. O Rubro-Negro,
quinto, soma 24. Já o Palmeiras, sexto, tem 22.

COMENTÁRIOS: