Veja quanto tempo seu time já ficou sem vencer no Brasileirão

31
ESPN: O
poço parece não ter fim para o São Paulo. Conflitos políticos, desmanche,
demissões e, além de tudo isso, já são nove jogos sem vencer no Campeonato
Brasileiro. Mas esta sequência longa sem somar três pontos não é novidade para
o time tricolor, e nem para os 12 clubes grandes do eixo SP-RJ-Sul-Minas.
Baseando-se
neles, apenas um não esteve na mesma circunstância em que a equipe do Morumbi está
hoje: o Atlético-MG.
Porém,
há uma ressalva com o time de Belo Horizonte. Em 2016, ele acumulava oito
partidas sem um triunfo antes da última rodada do Brasileiro e um novo tropeço
o faria alcançar a marca. Entretanto, o duelo contra a Chapecoense foi
cancelado devido a tragédia que vitimou o elenco do time catarinense. Além
disso, ficou também oito jogos seguidos sem vencer em 2005, justamente o ano em
que caiu para a Série B.
Quando
o assunto é rebaixamento, o histórico mostra que o torcedor são-paulino pode
acreditar na fuga do descenso.
Isso
porque, antes do São Paulo de 2017, esse cenário já ocorreu outras 23 vezes na
“era” dos pontos corridos. Dentro deste total, apenas em seis
oportunidades o clube que ficou 9 jogos ou mais sem vencer acabou rebaixado –
um percentual de 26,08%.
Aqui
entra outro asterisco desse retrospecto. Em 2013, o Fluminense enfrentou o
jejum de nove rodadas e ficou na 17ª posição ao fim das 38 rodadas. Portanto,
estaria rebaixado. Mas a Portuguesa escalou um jogador de forma irregular e foi
punida com a perda de quatro pontos. Assim, foi ultrapassada pelo Flu e acabou
caindo para a Série B. Se contarmos que o time carioca terminou dentro do Z-4,
o índice de quedas cresce para 30,43%.
A
equipe das Laranjeiras é, inclusive, a recordista na fila de nove ou mais
partidas sem vencer. Nos pontos corridos, os tricolores cariocas já enfrentaram
tal sequência em seis oportunidades – e nunca foram rebaixados. O segundo lugar
fica com o Botafogo, que ficou no jejum quatro vezes, caindo em uma delas.
Veja
abaixo o que aconteceu com cada um dos 12 grandes que ficaram nove ou mais
partidas sem vencer na “era” dos pontos corridos:

COMENTÁRIOS: