Vinicius Jr, do Flamengo, recusou propostas de Barça, City e PSG

33
Vinicius Júnior, camisa 20 do Flamengo – Foto: Gilvan de Souza

EXTRA
GLOBO
: O Real Madrid venceu uma concorrência das mais pesadas para anunciar a
contratação do atacante Vinicius Junior, revelação do Flamengo, nesta
terça-feira. Informa o jornal espanhol “Marca”, que Barcelona, Paris
Saint-Germain e Manchester City também estavam dispostos a pagar ao Fla a multa
rescisória do jogador, equivalente a 45 milhões de euros (cerca de R$ 164
milhões).

Além
deles, Manchester United, Liverpool, Chelsea e Juventus também demonstraram
interesse na jovem promessa, que deve se transferir para o Real Madrid no meio
de 2019.
“O
Real Madrid C. F. e o Clube de Regatas do Flamengo acordaram a transferência
dos direitos federativos do jogador Vinicius Junior a partir de julho de 2018.
O jogador permanecerá em seu clube atual até julho de 2019, mas poderá jogar
antes no Real Madrid se os clubes entrarem em acordo”, divulgou o Real Madrid
na tarde desta terça-feira.
Conforme
o EXTRA explicou, o Real incluiu um seguro milionário no contrato. Desta forma,
caso o menino se lesione atuando pelo Flamengo, os merengues receberão uma
compensação financeira. É bom frisar que Vinicius só pode se transferir a
partir do ano que vem, quando completará 18 anos.
É bom
frisar também que, com a transferência, Vinicius Junior se tornará o jogador
menor de idade mais caro da história do futebol. Ele supera, de muito longe,
nomes como Alexandre Pato, Gareth Bale, Ronaldo Fenômeno, Alex Chamberlain e
Theo Walcott.
O
dinheiro da venda de Vinicius entrará em parte esse ano e o restante no ano que
vem. E não será destinado ao futebol do Flamengo em sua totalidade. A ideia é
pagar contas primeiro, como obras no Centro de Treinamento profissional e da
base, na sede da Gávea, onde o clube planeja um estádio, e também em reforços,
mas não todos nesta temporada, já que o elenco é considerado bom.
Vinicius
foi utilizado pelo técnico Zé Ricardo nos dois jogos do Flamengo no Campeonato
Brasileiro (Atlético-MG e Atlético-GO), sempre entrando no segundo tempo.

COMENTÁRIOS:

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here