Conheça Bernardo Redín, auxiliar técnico de Reinaldo Rueda

84
Reinaldo Rueda e Bernardo Redin, seu auxiliar técnico – Foto: Reprodução

COLUNA
DO FLAMENGO
: Junto com o técnico Reinaldo Rueda, a comissão técnica do Flamengo
terá mais duas novidades: Bernardo Redín, auxiliar técnico e Eduardo Velasco,
preparador físico. Eles trabalhavam com Rueda no Atlético Nacional. O nome de
Pedro Zape, preparador de goleiros chegou a ser cogitado, mas logo descartado.

Bernardo
Redín é ex-jogador de expressão na Colômbia. Sua carreira foi jogando em sua
maioria por clubes do seu país natal. O inicio da carreira foi no Deportivo
Cali, em 1981, onde formou com Valderrama uma das maiores duplas da história do
futebol colombiano.
Após 9
anos no Deportivo Cali, em 1990 foi jogar no CSKA Sofia da Bulgaria. Voltou
para Colômbia em 1992 para jogar no América de Cali e conquistou o campeonato
Colombiano daquele ano. Antes, em 1990, disputou a Copa do Mundo da Itália e
marcou dois gols pela seleção colombiana. Teve 3 participações em Copa América:
Em 1987, na Argentina, quando a Colômbia ficou em terceiro lugar, em 1989, no
Brasil e 1991, no Chile.
Sua
carreira como treinador começou logo após se aposentar dos gramados em 2001
pelo Atlético Huila da Colômbia. No ano seguinte, na mesma equipe, estrou como
treinador e ficou até 2003. Depois treinou grandes equipes como o Deportivo
Cali, América de Cali e o The Strongest da Bolívia. Seu último clube foi o
Atlético Bucaramanga da Colômbia em 2013 e 2014. No Atlético Bucaramanga, Redín
também chegou a ser coordenador das divisões de base. Bernardo Redín não
conquistou títulos como treinador
Em
2015 chegou ao Atlético Nacional para trabalhar como auxiliar técnico de
Reinaldo Rueda. E a dobradinha com o técnico rendeu muitos títulos. Foram dois
campeonatos colombianos em 2015 e 2016, Superliga da Colômbia em 2016, Copa
Colômbia em 2016, Libertadores em 2016 e a Recopa Sul-Americana em 2017.
Em
janeiro, quando Rueda passou por uma cirurgia no quadril e precisou se afastar
dos gramados, Redín assumiu o comando técnico do Atlético Nacional junto com o
preparador físico, Eduardo Velasco, que também virá para o Flamengo.
Que no
Flamengo essa dobradinha também dê muitos títulos.

COMENTÁRIOS: