Felipe Vizeu vira dúvida no Flamengo para enfrentar o Cruzeiro

24
Felipe Vizeu chorando – Foto: Reprodução

GLOBO
ESPORTE
: esmo com time reserva e cheio de garotos em Cariacica, o Flamengo
ganhou uma preocupação para o primeiro jogo da decisão da Copa do Brasil, na
quinta-feira, às 21h45 (de Brasília), no Maracanã. Felipe Vizeu, reserva
imediato de Guerrero, deixou o gramado do Kleber Andrade aos prantos, com uma
lesão no joelho esquerdo.

Depois
da partida, o Flamengo informou apenas que Vizeu sentiu dores no joelho
esquerdo e será reavaliado. O jogador, antes de deixar o estádio, explicou o
lance.
– É
complicado. Sempre queremos jogar. Esperamos a oportunidade para arrebentar,
ajudar o grupo. Logo quando dominei a bola, senti uma dor muito forte no
joelho. Quando saí e tentei voltar, algo me dizia: “não dá, não dá”.
Realmente, eu não estava conseguindo. Estava doendo. Poderia acontecer algo
muito mais grave. Não sei ainda o que pode ter acontecido – disse o
centroavante.
Com a
presença do garoto ameaçada e suspensão do peruano Paolo Guerrero – que levou o
terceiro amarelo contra o Botafogo -, Reinaldo Rueda pode ser obrigado a olhar
para o banco e improvisar. Sem poder contar com os reforços do meio do ano, que
não chegaram a tempo de serem inscritos na competição, o colombiano fica tem
poucas alternativas.
Confira
as opções de Rueda:
LUCAS PAQUETÁ
Meia
de origem, Paquetá já foi utilizado por Reinaldo Rueda como referência no
ataque. Na vitória por 2 a 0 contra o Atlético-GO, pela 21ª rodada do
Brasileirão, o garoto deu uma assistência para Vinicius Junior, participou bem
do jogo e saiu de campo como um dos destaques do Flamengo.
Não
ficou preso como centroavante. Quando o time não tinha a bola, Paquetá apareceu
atrás para recompor o sistema defensivo.
BERRÍO
Um dos
responsáveis pela vaga do Flamengo na final da Copa do Brasil, com direito a
drible desconcertante e assistência para Diego, Berrío é outro que já fez a
função com Rueda. Mas não no Flamengo. O colombiano foi utilizado como camisa 9
pelo treinador ainda no Atlético Nacional.
O
porte físico é outro ponto que ajuda Berrío como referência. No Flamengo, até
aqui, o jogador ficou mais caracterizado pela velocidade pelas pontas. É
titular com Rueda e, caso fosse utilizado como centroavante, abriria uma vaga
pelo lado do campo.
VINICIUS JUNIOR

Joia
rubro-negra, Vinicius Junior não tem características de centroavante e
dificilmente seria sacrificado entre os zagueiros. Porém, em último caso, pode
ser utilizado como “falso 9”, entrando numa linha de quatro jogadores
avançados, com Everton, Diego e Berrío.

COMENTÁRIOS: