“Flamengo está com T de conquistar a Copa do Brasil”, diz Guerrero

23
Guerrero durante Flamengo x Botafogo – Foto: Gilvan de Souza

LANCE:
O suspense só acabou quando a escalação oficial saiu. Guerrero disputou o
segundo jogo da semifinal da Copa do Brasil contra o Botafogo, ficou em campo o
clássico inteiro e ainda teve participação indireta no gol de Diego, abrindo a
perna para que a bola passasse e balançasse a rede botafoguense. Foi a volta do
peruano, dando trabalho ao adversário, depois de ficar cerca de 20 dias no
departamento médico por causa de uma lesão na coxa direita.


Primeiro, pensei em dominar a bola. Mas achei que o goleiro iria duvidar. Na
última hora eu pulei e a bola entrou. Foi uma grande jogada do Berrío, que é um
jogador muito potente e ele conseguiu colocar a bola para trás e o Diego chutou
– contou o camisa 9 do Flamengo.
Guerrero
ainda garantiu que sentiu-se bem durante o jogo, mesmo sem estar com o fôlego
100%, já que o tempo fora de ação foi considerável.
– Eu
estava tranquilo, sem dor. Fisicamente não estava 100%, mas sabia que
mentalmente conseguiria ajudar o time. Precisávamos ganhar o jogo e deu tudo
certo. Recuperei em três semanas, como tinha pensado. Eu trabalhei forte todos
esses dias. Sábado e domingo eu treinei. Os fisioterapeutas perguntaram a todo
o momento se estava tudo bem. Deu tudo certo. Consegui me recuperar – comentou
o atacante.
A nota
negativa para Guerrero foi o cartão amarelo recebido ainda no primeiro tempo,
por reclamação ostensiva contra uma decisão do árbitro Wilton Pereira Sampaio.
Com isso, ele fica suspenso no primeiro jogo da final contra o Cruzeiro.
– Não
vou jogar um jogo, mas temos um elenco grande. Outro vai entrar no lugar e sei
que podemos sair campeão – disse ele, que vê o time com apetite para o título:

Hoje, mostramos raça, paixão pelo time. Brigamos, colocamos intensidade no
jogo. Mais uma vez mostramos que esse time tá com tesão de conseguir a Copa do
Brasil.

COMENTÁRIOS: