Flamengo sondou Roger, Carpegiani e Rueda, mas não fez proposta

29
Djalma Vassão/Gazeta Press

MAURO
CEZAR PEREIRA
: O Flamengo não fez propostas a treinadores, mas sondou três
nomes para substituir Zé Ricardo: Roger Machado, Paulo César Carpegiani e o
colombiano Reinaldo Rueda. Após as abordagens, as conversas não chegaram a
avançar, por isso nem houve proposta concreta nesse contato inicial.

O
ex-treinador do Atlético Mineiro não quer trabalhar antes da virada do ano,
independentemente do clube. Pretende retornar na próxima temporada, da maneira
que considera mais adequada. Por isso a conversa sequer avançou, ele sequer
precisou dizer “não”.
Carpegiani
também foi procurado. O diretor executivo rubro-negro, Rodrigo Caetano, começou
a exercer tal função com o ex-jogador do Flamengo e do Internacional. Ele
estreou como dirigente profissional no RS Futebol, clube de Carpegiani, em
2003.
O
treinador campeão da Libertadores e do Mundial de Clubes com o Flamengo, em
1981, trabalhou no Coritiba entre o ano passado e o começo de 2017. Carpegiani
assumiu o Coritiba no Campeonato Brasileiro passado na 19ª rodada e em 18º
lugar, ou seja, livrou o time do rebaixamento.
Foram
20 jogos, 28 pontos, sete vitórias, sete empates e seis derrotas,
aproveitamento de 46,6% e 15º posto ao final. Foi demitido em 2017 com a
eliminação na Copa do Brasil frente ao ASA de Arapiraca, totalizando 11
vitórias, 10 empates e 11 derrotas (44,8%).
O
terceiro nome sondado pela diretoria do Flamengo foi o colombiano Reinaldo
Rueda, que fez recentemente grande trabalho com o Atlético Nacional. Rueda foi
bastante pedido por torcedores flamenguistas nas redes sociais após a saída de
Zé Ricardo do comando. Os dirigentes do clube carioca fizeram uma consulta a
Rueda, mas ainda se trata de uma sondagem.
Siga
@maurocezarespn

COMENTÁRIOS: