Lédio vê mão de Rueda no Flamengo: “Não deu um contra-ataque”

67
Reinaldo Rueda, técnico do Flamengo, gritando – Foto: Gilvan de Souza

SPORTV:
O Flamengo venceu o Botafogo por 1 a 0, com gol de Diego, na última
quarta-feira, no Maracanã, e está na decisão da Copa do Brasil contra o
Cruzeiro. Na análise do comentarista Lédio Carmona, a classificação do
Rubro-Negro tem o peso do novo técnico Reinaldo Rueda, que recuou os laterais e
neutralizou o principal poder ofensivo do rival: os contra-ataques.


Rueda foi fundamental nessa conquista para a final. Time não foi brilhante, mas
foi muito bem organizado e soube neutralizar a principal jogada do Botafogo.
Qual a principal jogada ofensiva do Botafogo? É o contra-ataque. Botafogo não
teve nenhum contra-ataque, nem no primeiro, nem no segundo jogo. Isso é o Rueda
– disse.
O gol
de Diego saiu aos 25 minutos do segundo tempo, após passe genial de Berrío que
deu drible da vaca de letra em Víctor Luis. Na visão de Lédio, o atacante e
Cuellar foram dois jogadores que mostraram maior rendimento sob comando do
colombiano Rueda.
– São
jogadores que ele conhece, que apostou desde o início. Berrío como titular,
Cuellar como titular. Berrío apareceu muito bem no lance do gol, jogadaça. De
resto, jogo muito intenso, com muito erro. Cuellar fez um bom jogo, na
proteção, tem um passe melhor que o Marcio Araújo, está se sobressaindo.
O
mando de campo da decisão da Copa do Brasil sairá em sorteio da CBF na tarde
desta quinta-feira, em sua sede, no Rio de Janeiro. Os confrontos entre
Flamengo e Cruzeiro acontecerão nos dias 7 e 27 de setembro.

COMENTÁRIOS: