Márcio Araújo diz respeitar torcida e vê Flamengo “bem encaminhado”

18
Márcio Araújo – Foto: Gilvan de Souza /Flamengo

ALEXANDRE
PRAETZEL
: O Flamengo dispensou o técnico Zé Ricardo, após 88 jogos no comando
da equipe, desde 2016. O treinador foi campeão carioca e levou o time as
semifinais da Copa do Brasil. A eliminação na primeira fase da Libertadores da
América e a campanha irregular no Brasileiro, pesaram para a saída do
treinador. Zé Ricardo vinha sendo muito criticado pela torcida, assim como
Márcio Araújo, titular em muitas partidas e com 202 jogos pelo rubro-negro. O
blog conversou com o Márcio Araújo sobre as broncas da torcida, antes da queda
de Zé Ricardo. Ontem, contra o Vitória, o volante ficou no banco de reservas.
Confira a seguir.

Por que a torcida do Flamengo tem tanta
bronca com você?
Você
acompanha minha carreira. Nunca vou falar de relação com a torcida. Falo em
relação ao meu trabalho, o carinho que a gente tem de todos dentro do grupo,
podendo sempre ajudar na maior parte do tempo, e é isso que a gente busca. Essa
parte de torcedor a gente deixa para o torcedor. Eles têm as suas razões, a
gente entende e respeita, mas sempre dentro de campo, eu tenho dado o meu
melhor e na maior parte do tempo, tenho me saído bem.
Os treinadores sempre te elogiam. O fato
de ser bem profissional e simples nas atitudes, o torcedor não entende esse
comprometimento?
Talvez,
mas eu não vou falar nada aqui, talvez até me prejudicando, mas a gente
respeita a opinião do torcedor, como eu falei. A gente acaba trabalhando,
respeitando a todos, fazendo aquilo que o treinador sempre pediu e a comissão
técnica também, ajudando na maior parte do tempo. Espero que a gente consiga
sair dessa situação, dar uma engrenada no Brasileiro. A gente está bem
encaminhado numa semifinal da Copa do Brasil, tem a Primeira Liga ainda, a
Sul-Americana. Então, ainda tem muita coisa pela frente. Tem que pensar em
coisas boas, realizar grandes partidas no Brasileiro, com um turno inteiro pela
frente.
Como você define o trabalho do Zé Ricardo?
Depois
que ele pegou, desde o ano passado, a evolução que o Flamengo teve foi muito
grande. Foi campeão carioca de forma invicta, ninguém fala isso. Você via o
Flamengo jogando, tinha a mão do treinador e, infelizmente, talvez, no
Brasileiro, a cobrança é maior, todo mundo quer que o Flamengo seja campeão.
Talvez a gente tenha iniciado mal o Brasileiro e tenha pecado por causa disso,
mas mesmo assim, o time está bem encaminhado. Tem uma semifinal da Copa do
Brasil, oitavas da Sul-Americana, tem muita coisa para acontecer e espero que a
gente possa dar continuidade no Brasileiro e nas outras competições que temos
pela frente.

COMENTÁRIOS: