Primeira Liga chega para ajudar o Flamengo em meio a crescimento

28
Conca em sua estreia pelo Flamengo – Foto: Alexandre Loureiro/Getty Images

GOAL: Após
quatro meses, a Primeira Liga volta a movimentar o calendário brasileiro no
futebol. Os encontros, válidos pelas quartas de final, serão realizados nesta
quarta-feira (30) e o Flamengo vai medir forças com o Paraná, no estádio Kléber
de Andrade, no Espírito Santo.

Mas em
meio à disputa pela Copa Sul-Americana, Campeonato Brasileiro e,
principalmente, o foco na decisão da Copa do Brasil, o compromisso é uma dor de
cabeça ou pode ser bem aproveitado pelo time comandado por Reinaldo Rueda?
O
treinador já relacionou os jogadores, e o torcedor pode ficar tranquilo: apenas
coisas boas podem sair da participação rubro-negra no certame. Motivos?
Listamos abaixo para você!
DAR TEMPO DE JOGO AOS GOLEIROS
Diego
Alves foi uma das principais contratações do Flamengo em 2017, mas não chegou a
tempo de ser inscrito na Copa do Brasil. Por isso, não vai entrar em campo nas
decisões contra o Cruzeiro – marcadas para os dias 7 e 27 de setembro.
Por
isso mesmo, Reinaldo Rueda não relacionou o guardião titular para o duelo
contra o Paraná: com isso, quem ganha espaço são Alex Muralha e Thiago. Uma
escolha tão acertada que o próprio Diego Alves concordou que seria boa para o
clube.
“Não
preferi nada. Acho que o Thiago e o Alex com certeza estão bem preparados para
poder jogar. Ao mesmo tempo também tendo esse jogo tão importante da Copa do
Brasil ter ritmo de jogo, que é importante”, afirmou Diego, em entrevista
coletiva.
CONCA, ENFIM, GANHA OPORTUNIDADE
Quem
também pode aproveitar a ocasião para brigar por uma vaga é Darío Conca. O
argentino, que chegou emprestado do futebol chinês, somou apenas 15 minutos em
partidas oficiais. Recuperado de uma grave lesão no joelho, o camisa 19 ganha a
chance que tanto queria para provar que pode ser útil.
JOVENS PODEM GANHAR ‘QUILOMETRAGEM’
Dentre
os relacionados para o jogo único de quartas de final, três novidades foram a
inclusão de Klebinho [lateral-direito, 19 anos], Pablo Maldini [lateral-esquerdo,
17 anos] e Thuler [zagueiro, 18 anos]. Nomes da base, mais experientes, como
Vizeu, também podem aproveitar para ganhar confiança.

COMENTÁRIOS: