Rômulo destaca treinos defensivos de Rueda no Flamengo

33
Reinaldo Rueda e Rômulo, do Flamengo – Foto: Gilvan de Souza

SPORTV:
Invicto desde que chegou ao Flamengo, o técnico Reinaldo Rueda ainda não viu o
Rubro-Negro sofrer gols de que assumiu o comando: em quatro jogos, foram três
vitórias – a última sobre o Atlético-PR, domingo – e um empate sem que a defesa
fosse vazada. Questionado sobre a mudança, considerando que o time tinha
retrospecto diferente antes da chegada do colombiano, o volante Rômulo destacou
a maneira como o técnico prepara o setor defensivo nos treinos e garantiu que
ninguém está livre da marcação.

– Ele
treina bastante a parte defensiva, procura uma parte do treino dar foco para
essa área, acho que tem melhorado muito (…) Com essa intensidade que ele
buscou passar para nossa equipe nos treinamentos, ele treina bastante a parte
defensiva e não só a linha de quatro da zaga, mas com toda a equipe, começando
lá da frente com o Guerrero e até com o Diego Alves ali atrás, orientando. Isso
é importante, a conversa, e isso ele tem cobrado muito – disse, no “Troca
de Passes”.
Pouco
aproveitado por Zé Ricardo, antecessor de Rueda, Rômulo diz que tem se
esforçado nos treinos e, embora saiba que o ritmo é diferente dos jogos, afirma
que o treinador tem cobrado intensidade. Além disso, nas atividades do dia a
dia ele consegue “mostrar serviço” porque consegue treinar diante de
jogadores que exigem bastante, como Berrío e Diego.
–  A gente procura ter que ter cuidado, mas nos
treinamentos você está ali, igual no jogo, quer ganhar posição, mas claro que a
gente tem cuidado para não chegar com força excessiva no companheiro para que
não machuque – disse.
Após
ter entrado na vitória por 2 a 0 sobre o Atlético-PR, a expectativa é ter uma
chance no jogo de quarta-feira, contra o Paraná, pela Primeira Liga. Pelo
Brasileiro, o Rubro-Negro volta a jogar dia 10 de setembro, quando enfrenta o
Botafogo, no Estádio Nilton Santos. Antes, tem ainda o primeiro jogo da final
da Copa do Brasil, contra o Cruzeiro, dia 7 de setembro, no Maracanã.

COMENTÁRIOS: