Achamos o único jogador que parou em Alex Muralha

38
Foto: Divulgação

LANCE:
Alex Muralha defendeu um pênalti em 22 cobrados contra ele desde a chegada ao
Flamengo, em janeiro de 2016. O único jogador parado pelo goleiro foi o
atacante Geraldo, do Bangu, durante o Campeonato Carioca do ano passado.

Única
para Alex Muralha, a penalidade representa a mesma coisa para Geraldo, hoje
titular no Atlético Itapemirim-ES, atual campeão capixaba.
– Se
pegar o histórico da minha carreira, não sou um cara de perder pênalti. Que eu
me recordo, foi o único que perdi como profissional. E um centroavante
geralmente tende a bater os pênaltis. Não tenho o costume de perder pênaltis e
realmente a questão do Muralha foi uma situação atípica. Assim como ele pegou
só esse meu, eu perdi o único na minha carreira. É uma situação que não me
incomoda. O Diego também perdeu, mas era uma final de Copa do Brasil e o meu
foi no Carioca. Acontece e não me abala – diz Geraldo ao LANCE!, por telefone,
lembrando que já bateu cerca de 15 de penalidades na carreira.
O
goleiro do Flamengo pulou para o canto direito nos cinco pênaltis da decisão da
Copa do Brasil. Curiosamente, o canto foi o mesmo quando parou Geraldo,
artilheiro do Capixaba de 2014 pelo Estrela do Norte, com 11 gols em 15 jogos.

Quando fui caminhando para a bola eu dei uma olhada e na hora senti que o corpo
dele poderia cair para o canto esquerdo. Daí decidi trocar, tanto que nem bati
com pouca força porque achei que ele iria pular do outro lado, mas ele não
mudou o canto e foi para a direita – relembra o centroavante, que foi revelado
pelo Queimadense-PB e chegou a passar pelo Palmeiras B em 2009 e 2010.
Mesmo
tendo Muralha como seu único algoz, Geraldo saiu em defesa do arqueiro e
acredita que as críticas sobre ele são exageradas.
– Ele
já vinha sendo criticado por não pegar pênaltis, com exceção do meu, mas eu
acho que tem exagero porque é um cara que joga no Flamengo, chegou até a
Seleção. É natural que se cobre por tudo o que ele ofereceu – completa o
atacante de 26 anos, que espera chegar ao mesmo patamar de Alex Muralha:
– Meu
sonho é conseguir o que o Muralha realizou. O que ele conseguiu é o sonho de
muita gente, por isso que eu acho que as críticas passam dos limites, porque
ele chegou em um patamar que todo mundo gostaria de ter chegado. Ele não está
em um bom momento, mas a gente sonha em chegar em um time do porte do Flamengo,
na Seleção Brasileira. Nunca pode deixar de sonhar.

COMENTÁRIOS: