Covardia com Muralha acabou custando caro ao Flamengo

34
Muralha, do Flamengo – Foto: Gilvan de Souza

RESENHA
DA BOLA
: Não estou aqui para defender Alex Muralha, muito pelo contrário.
Sempre foi um goleiro que pairou dúvidas, na minha opinião, mesmo quando foi
convocado por Tite para a Seleção. Nunca o vi como um grande jogador, muito
menos com potencial de estar na Seleção. Mas mesmo assim, a covardia que a
comissão técnica e até mesmo a diretoria do Flamengo fez com o jogador acabou
custando caro e não só para o clube, para o jovem Thiago também.

Se
Thiago será um goleiro com grande potencial no futuro, é difícil saber. Seu
início, por agora, não é animador. Não o vejo superior do que Muralha, muito
pelo contrário. Além disso, o erro da covardia que fizeram com o Alex custou
uma vitória, de suma importância, na primeira partida da final da Copa do
Brasil. E o erro do jovem Thiago, não foi apenas dele, foi de todos que o
bancaram como titular em um jogo desta magnitude, por birra com Muralha.
Logicamente,
é impossível saber se o Muralha defenderia aquela bola ou se falharia em
outras, tudo é suposição, porém faltou um pouco de traquejo, neste ponto para
Reinaldo Rueda, em saber que é necessário experiência em jogos decisivos. E
isto, por mais que viva um mau momento, não falta para Muralha. Acredito, que
para sacar o goleiro – que é não é mais o titular – desta forma é preciso
colocar alguém que não sinta a pressão do Maracanã lotado e de estar defendendo
o Flamengo.
O erro
de Thiago custou caro para todos. Para Alex Muralha, para o Flamengo, para a
torcida, para o próprio jogador, para a diretoria, até mesmo para Diego Alves,
que foi contratado para ser o cara da camisa 1, mas também ainda deve um pouco,
por toda a pompa que foi construída em cima da contratação.
A
grosso modo, o Flamengo pagou caro. A diretoria e a comissão técnica aceitaram
imposições de fora, seja da imprensa, seja da torcida e seja de qualquer outro.
Como já disse acima, nunca fui fã do Alex Muralha, não é goleiro para ser absoluto
em qualquer grande clube, mas a covardia que está sendo feita pode ter custado
o quarto título do Fla na Copa do Brasil. Não tem nada decidido, mas o Cruzeiro
agora vai mais confiante e forte, porque sabe que o goleiro rubro-negro que
estiver em campo, vai estar pressionado,
Faltou
apoio a Muralha. E não sei se faltará também para Thiago. E na final, Diego
Alves não pode ser o salvador que a torcida tanto clamou!

COMENTÁRIOS: