Flamengo admite dívida com Assis, mas discorda de valor

17
Roberto de Assis – Foto: Guilherme Pinto

MARLUCI
MARTINS
: A disputa está longe do fim. O Flamengo vai recorrer da decisão da
Justiça de Porto Alegre, que determinou na última sexta-feira o pagamento da
comissão a que Roberto de Assis teria direito por ter intermediado a negociação
do clube com seu irmão, Ronaldinho Gaúcho, em janeiro de 2011. O clube
reconhece a dívida, mas não concorda com a correção do valor, que subiu de R$
750 mil (três parcelas de R$ 250 mil) para aproximadamente R$ 2 milhões.

– Há
umas questões técnicas relativas à atualização. O Flamengo vai recorrer, pois
não concorda com os cálculos de atualização – informa o diretor jurídico do
clube, Bernardo Accioly.
O
advogado não descarta um acordo no futuro com o irmão de Ronaldinho Gaúcho:

Dependendo do valor, se o clube considerar justo, podemos abrir uma negociação.
Accioly
não tem pressa.
– Essa
ação já está correndo há algum tempo. E ainda há um bom tempo pela frente até
que vire execução… Uns dois ou três anos. Oficialmente, o que digo é que a
gente vai recorrer. Não tem como ser diferente – diz o advogado.

COMENTÁRIOS:

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here