Flamengo aumenta controle no Maracanã para evitar invasões

88
Torcida do Flamengo na mureta do Maracanã – Foto: Gilvan de Souza

EXTRA
GLOBO
: A Polícia Militar, em parceria com o Flamengo, montou um plano de
segurança e serviço para evitar tumulto na entrada do Maracanã na primeira
partida da final da Copa do Brasil, amanhã. O foco é inibir a circulação de
pessoas sem ingresso nos arredores, mas sobretudo garantir que os torcedores
com o bilhete entrem cedo no estádio.

Segundo
o Grupamento Especial de Policiamento em Estádios, que desta vez estará nos
acessos das bilheterias para evitar invasões, metade do público tem entrado
apenas com 30 minutos para o jogo começar. Mas os portões estarão abertos desde
18h45. Para que o público não fique do lado de fora consumindo bebida, a Guarda
Municipal fará uma operação “choque de ordem” para inibir ambulantes desde as
12h.
O Gepe
também monitorou movimentos nas redes sociais de grupos com a intenção de
tumultuar a entrada para invadir. Para isso vai deslocar agentes para os
acessos. Mesmo assim um cordão de isolamento será feito nas ruas do entorno
para que só torcedores com ingressos acessem o Maracanã. Nesse filtro, passarão
torcedores com ingressos falsos ou cartões de sócios oferecidos por cambistas.
Segundo o Major Silvio Luiz, não há qualquer garantia de que eles funcionem.
– Não
há garantia nenhuma desse cartão ser carregado. Esse é um problema que vamos
ter. Tentei fazer que todos chegassem com ingresso físico. O sócio de posse do
cartão, vai passar, e dar problema na catraca. Vamos enfrentar nesse problema.
O ingresso falso se for parecido, vai passar pelo isolamento também. Quando
bater qualquer problema vamos retirar a catraca. Vai ter uma equipe de apoio do
clube para ver se é falso, se o cartão não carregou. Se ficar na frente da
catraca sem entrar, vai dar tumulto – explicou o comandante do Gepe.
O Gepe
também pediu que o Flamengo insistisse que seu torcedor chegue e entre cedo. E
deu a ideia ao clube de organizar um show para que os torcedores tivessem
incentivo de estar nas arquibancadas logo. Segundo o Flamengo o pedido não foi
formalizado.
– No
último jogo faltando 30 minutos só tinha 25 mil dos 50 mil torcedores no
estádio. A gente solicitou o Flamengo que contratasse algum show para atrair o
torcedor. Seria um bom meio. Ou fazer uma promoção diferenciada – indicou
Silvio Luiz.
O
comandante do Gepe alertou novamente sobre a presença de agentes nas entradas
para evitar tumultos e invasões.

Detectamos movimento nas redes sociais para invadirem o estádio em grupos. A
entrada vai ter grande aparato, para evitar empurra empurra que o torcedor sem
ingresso provoca – reforçou o policial.
O
efetivo não foi revelado mas será maior que o da semifinal.

COMENTÁRIOS: