Mano destaca ausências do Flamengo para formação do Cruzeiro

24
FOTO: Rudy Trindade/ThemaPress/Light Press/Cruzeiro

O
TEMPO
: Guerrero está suspenso. O substituto imediado, Vizeu, se machucou.
Willian Arão virou dúvida. O Flamengo tem vários problemas para o confronto de
ida da decisão da Copa do Brasil, com o Cruzeiro, nesta quinta-feira, no
Maracanã. Situações que o técnico da Raposa, Mano Menezes, acompanha de longe.

De
olho no título do torneio mata-mata, o comandante procura acompanhar as
notícias do rubro-negro a fim de montar a estratégia ideal para levar a melhor
em cima do adversário.
Dentre
as principais preocupações do treinador cruzeirense está o atacante Berrío,
autor da assistência magistral para o gol de Diego no triunfo por 1 a 0 do Fla
sobre o Botafogo, nas semifinais da competição.
“O
Flamengo mudou a característica de jogador de ataque pela direita. O Berrío já
se transformou em titular. É jogador de velocidade, de bola longa. Não é um
jogo que o Flamengo joga, mas certamente vai utilizar, e que já foi feito em
jogos anteriores”, afirmou Mano.
Com
relação às ausências do Flamengo, o técnico cruzeirense não as vê como algo
positivo à Raposa.
“O
Flamengo tem uma ausência importante, que é o Guerrero, e também do atacante
substituto (Vizeu). Então mudará a característica do jogador central novamente.
Ou vai ter um de velocidade ou de armação por dentro, criando um quarto jogador
de meio-campo. Temos que estar prontos para todas as possibilidades”, disse.

COMENTÁRIOS: