“O Flamengo é o time do meu coração”, afirma Jorge

54
Jorge, ex-lateral do Flamengo – Foto: Divulgação

COLUNA
DO FLAMENGO
: Jorge saiu do Flamengo e foi para o Mônaco em janeiro, um dia após
jogar pela Seleção Brasileira no “Jogo da Amizade“, contra a Colômbia. Após
pouco tempo de adaptação, o lateral-esquerdo da base rubro-negra virou titular
absoluto da equipe francesa pois Mendy, até então insubstituível, foi vendido
para outro clube.

Com um
bom início e adaptação rápida ao futebol francês, Jorge, em entrevista ao Blog
Ora Bolas, falou que ainda sonha com a Seleção Brasileira novamente e sabe que
Tite, técnico da Canarinho, está de olho em seu trabalho.
“Sei
que o Tite está de olho em mim. Ele mesmo já falou isso publicamente, tendo
ressaltado que tenho qualidade. Ele gosta bastante do meu futebol, tem me
observado. Vou dar o meu melhor para ter uma chance, com certeza. O Marcelo e o
Filipe Luís são jogadores de alto nível, tem ainda o Alex Sandro. Vou buscar o
meu espaço aos poucos, quietinho, para quem sabe dar alegria também à seleção
no futuro”, disse.
O
camisa 6 não escondeu o seu amor pelo Flamengo e disse que, mesmo de longe,
torce para que seu clube do coração alcance títulos em 2017.
“O
Flamengo é o time do meu coração, um clube que me fez crescer muito. Sigo
torcendo de longe. Vi jogos no Brasileirão… Mas está em aberto, tudo pode
acontecer ainda. É um torneio muito difícil, um dos mais disputados e nivelados
do mundo. Torço para o Flamengo ser sempre campeão. Vejo um Flamengo muito
fortalecido, que está pronto para brigar por todos os títulos”, finalizou.
Jorge
foi vendido ao Mônaco por cerca de 20,3 milhões de reais. Até então, a quinta
maior venda de defensores do futebol brasileiro a outros clubes e segunda maior
venda da história do Flamengo, segundo o Transfermarkt.

COMENTÁRIOS: