Onde o Flamengo pecou em caminhada na Copa do Brasil

21
Cruzeiro x Flamengo no Mineirão – Foto: Pedro Vilela/Getty Images

LANCE:
A campanha do Flamengo foi boa na Copa do Brasil, mas até a final, o elenco rubro-negro
alternou boas e más atuações dentro da competição nacional. Até a final contra
o Cruzeiro, o time passou por três adversários e em todos os confrontos teve
dificuldades pelo menos em um dos dois jogos.

Além
disso, as falhas individuais acabaram custando caro para o Flamengo,
principalmente no primeiro jogo da final, onde cedeu o empate após Thiago
soltar a bola nos pés de Arrascaeta. No jogo contra o Santos, na Vila, foi
outra ocasião onde os erros defensivos chamaram a atenção de todos.
Dentro
da competição, o Flamengo ainda trocou de técnico. Com a saída de Zé Ricardo e
a chegada de Rueda, o time seguiu na campanha e o colombinao ainda conseguiu
eliminar o Botafogo. O colombiano ainda está conhecendo e se adaptando ao
futebol brasileiro, mas lamentou a falta de capricho e de pontaria nas
finalizações do time.
Assim
como já havia acontecido na péssima campanha e na eliminação precoce da Copa
Libertadores desse ano, o Rubro-Negro não conseguiu ter boas apresentações
atuando como visitante. Em quatro partidas, foram dois empates e duas derrotas.
Em 2017, o Flamengo não tem tido bons resultados longe do Rio de Janeiro e isso
é um problema que Rueda já detectou e está tentando corrigir. Para o
colombiano, falta guerrear um pouco aos invés de jogar bonito.
Um
fator que certamente foi atrapalhou a caminhada foi a indecisão no gol. Sem
Diego Alves, Muralha e Thiago revezaram durante a competição, mas nenhum dos
dois conseguiu se firmar como titular. Ambos tiveram falhas em momentos
importantes e no Brasileiro nem jogando com frequência estavam, já que o
titular do clube é Diego Alves.
Com um
dos melhores elencos do país e com o alto investimento que é feito no futebol,
o Flamengo ainda tem duas competições para tentar salvar o ano. No Brasileirão,
a situação não é das melhores e neste momento o clube está fora até mesmo do
G-6. Na Sul-Americana, o Fla encara o Fluminense e competição virou
praticamente obrigação para os torcedores.

COMENTÁRIOS: