Pará fala sobre atuar na esquerda: “Estou aqui pra ajudar Flamengo”

100
Pará, jgoador do Flamengo – Foto: Buda Mendes/Getty Images

EXTRA
GLOBO
: Utilizado muitas vezes como lateral-esquerdo pelo técnico Reinaldo Rueda
no Flamengo, o lateral-direito Pará afirmou, em entrevista coletiva concedida
nesta terça-feira, no Ninho do Urubu, que não se incomoda com a improvisação.

– Para
mim, não muda muita coisa. Eu sou o atleta que quer jogar sempre, independente
da posição que seja. Quero atuar, quero estar no bolo, sendo lembrado. Se o
professor Rueda precisar de mim em outras funções, vou fazer. Claro que minha
posição de origem é a lateral direita, mas estou aqui para ajudar o Flamengo –
disse Pará.
Contra
a Chapecoense, nesta quarta-feira, no jogo de volta das oitavas de final da
Sul-Americana, Pará pode ser titular novamente e pediu atenção com os
catarinenses.
– É
uma equipe qualificada, tem um bom jogo aéreo e jogadores rápidos pelas pontas.
Temos de tomar cuidado para não sermos surpreendidos, até porque os times de
menor expressão vêm bastante fechado. Temos de ter paciência, porque a
Chapecoense tem jogadores rápidos que podem decidir o jogo a qualquer momento –
analisou Pará.
Diego
e Éverton Ribeiro juntos no time titular? O lateral acredita que isso é
“espetacular” para o time.
– Para
mim, não faz muita diferença. Falávamos tanto de elenco e hoje temos um elenco
bastante qualificado. Todos que estão aqui estão preparados para jogar. Claro
que essa é uma boa dor de cabeça para o professor Rueda. Quem está aqui tem
qualidade e está apto a jogar. Os dois jogando juntos é espetacular para a
gente. Acredito que seja um problema muito bom – disse.
E, por
fim, Pará disse com qual espírito o Flamengo deve entrar em campo na Ilha do
Urubu para garantir a classificação na “Sula”.

Temos de nos impor. Jogando em casa, com o apoio da nossa torcida, temos de
procurar nos impor do começo ao fim. A Chapecoense é um time que tem jogadores
rápidos. Temos de nos impor e nos precaver lá atrás – finalizou.
Flamengo
e Chape se enfrentam às 19h15, nesta quarta, na Ilha do Urubu. Para se
classificar, o Rubro-negro joga por uma simples vitória. Um novo 0 a 0 leva a
partida para os pênaltis. A Chape joga por um empate com gols.
Depois
da Chape, o Flamengo terá pela frente o Avaí, no sábado, pelo Campeonato
Brasileiro, e o Cruzeiro, quarta-feira que vem, pela final da Copa do Brasil.

COMENTÁRIOS: