Zagueiro do Cruzeiro analisa ataque do Flamengo sem Guerrero

27
Guerrero em Flamengo x Cruzeiro – Foto: Staff Images

GLOBO
ESPORTE
: Sassá, Éverton Ribeiro, Ariel Cabral, Diego Alves, Rafael Marques,
Rhodolfo… a lista de jogadores de Cruzeiro e Flamengo que não poderão jogar o
primeiro jogo da decisão da Copa do Brasil, nesta quinta-feira, é extensa.
Alguns não foram inscritos a tempo na competição, outros estão machucados e,
pelo lado do Flamengo, um desfalque importantíssimo é o de Paolo Guerrero,
suspenso pelo terceiro cartão amarelo recebido contra o Botafogo, por
reclamação, na segunda partida da semifinal. Com o peruano à disposição, ele,
muito provavelmente, seria titular. E sem ele, o que muda?

O
substituto natural é Felipe Vizeu, que tem características semelhantes, mas
está com um problema no joelho esquerdo e é dúvida. Caso não vá para o jogo,
Rueda tem como opção a escalação de Lucas Paquetá, ou a improvisação de Berrío
ou Vinícius Júnior na frente, como um falso 9. As hipóteses são muitas, e quem
está atento a isso é o Cruzeiro, adversário na decisão. Léo, zagueiro titular
da Raposa, analisa as características do ataque do Flamengo sem Guerrero,
apesar de ainda não saber quem será o substituto.
– A
gente ainda não tem essa certeza de quem vai jogar. Guerrero é um jogador de
muita qualidade, referência no ataque do Flamengo. Jogador que se lociona bem,
um pouco mais centralizado, ele finaliza muito bem, protege bem a bola. A gente
sabe que tem outros jogadores ainda que podem ter características diferentes,
de movimentação, de saída da área, porque o Guerrero é mais de presença na
área. A gente tem essa consciência que outros jogadores podem movimentar
bastante, sair da referência. Precisamos encaixar (a marcação) com essas
características.
Raça!
É hora
de decisão. O Cruzeiro está muito perto de levantar a taça da Copa do Brasil. O
rival é complicado, claro, mas o time de Mano Menezes já provou que tem
condições de ser campeão. Para Léo, um dos jogadores com mais tempo de casa e
um dos líderes do elenco, um fator joga a favor do Cruzeiro: a vontade.
– Tem
alguns fatores muito importantes, principalmente a maturidade da equipe em
campo, a inteligência de jogar os dois jogos, jogar fora de casa e em casa. O
espírito também foi algo de ressaltar. Espírito aguerrido de lutar, buscar.
Jogamos contra equipes difíceis, jogadores de muita qualidade. Sempre bom
ressaltar isso. O espírito, a dedicação de todo mundo, maturidade, experiência
de jogar.
A
primeira partida está marcada para esta quarta-feira, às 21h45 (de Brasília),
no Maracanã. A casa estará cheia: todos os ingressos para os rubro-negros foram
vendidos. O jogo da volta, que certamente também receberá grande público, está
marcado para dia 27, no Mineirão.

COMENTÁRIOS: